O Coração da Cidade precisa de amigos... seja amigo do coração...

o seu donativo é muito importante para nós...

MILLENIUM- BCP ... 0033 000000 239551298 05 

Domingo, 10 de Junho de 2012

JESUS TAMBÉM VAI AO BAIRRO ALTO...

 

o grande problema da actualidade religiosa ou mesmo filosófica, no que concerne à possibilidade para analisar as mensagens cristicas, reside na quase impossibilidade que o ser humano tem em encontrar forma de perdoar-se... 

os explicadores necessitam de maior explicação...
existem evangelizadores, que manipulam as mensagens, com explicações repetitivas, oferecendo sempre os mesmos conselhos de há 100, 200 , 1000 anos atrás e não param para entender, que conforme o tempo passa, nós vamos caminhando com espíritos diferentes, com necessidade de esclarecimento, mas esse esclarecimento tem que ser adaptado ao tempo... 

tudo evolui e os explicadores parecem não evoluir... 

a mentalidade actual é graças a Deus bem diferente, e Jesus, se neste momento reencarnasse, iria por certo ter outro discurso, perfeitamente adaptado á mentalidade actual... 

o sofrimento humano continua, porque os espíritos reencarnando continuam a sua evolução com alguns custos... mas, a grande maioria dos homens ergue uma cruz para si mesmo, parecendo que não nasceu com o direito de ser feliz e de ser acima de tudo dono e senhor do seu destino... 

a lei de causa e efeito, é igual para todos , e não depende da fé , nem da religião a que aderiram...

carecemos de actualização para ajudar os que têm dificuldade em encontrar a paz, que advém na maior parte das vezes da possibilidade de esquecer as ofensas, passar uma borracha sobre o assunto e continuar em frente... 

todo aquele que se mantém preso ao passado, não experimenta as delícias do presente... 

há que mudar com urgência...

a felicidade não está no passado, está um passo à frente...não pare.. continue ... avance...quem sabe não vai surpreender-se...

tudo o que fizer de bom, faz para si mesmo, por isso, o lucro das suas acções é exclusivamente seu...

O AMOR É UMA LEI MATEMÁTICA ...

lasalete

neste momento eu estou ...: em paz, trabalhando
publicado por lapieta@sapo.pt às 11:54

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Domingo, 20 de Maio de 2012

o mal existe? ... foi criado ao mesmo tempo que o Bem ?

 


o mal efectivamente não existe, e ainda que o assinalemos, ele não pode instalar-se, porque, no Universo, tudo é movimento, e essa ( onda de mal) , logo se desfaz, ajustada por esse mesmo movimento, e impulsionada por este, se deixa atrair a uma outra fonte de energia , que paulatinamente vai transformando o mal em bem... 

a grande dificuldade para este tipo de compreensão, prende-se com a incapacidade de esperança que ainda envolve o ser humano... 

se apenas pensássemos e sentíssemos como espírito, de forma consciente, na dimensão onde estamos, e que nos mostra o factor tempo como impedimento para a grande esperança, não sofreríamos tanto, conscientes que ficávamos de que esse mal iria desvanecer-se... 

para que o mal se instalasse de vez, teria que existir uma força superior ao bem, que o colocasse definitivamente e massivamente no nosso plano... ora isso é impossível, porque a única fonte de criação, cria apenas o bem, e funciona como energia inspiradora para resolver o desajuste, próprio de inexperiência, ou seja ( o mal originado na incapacidade de manter o bem)... 

este longo trabalho é que vai fazer de nós espíritos mais completos... 
enquanto isso não acontece, vamos sobrevivendo como espíritos mais complexos... mas estamos lutando ... e isso é maravilhoso... 

abençoados os desafios e aqueles que não desistem de lutar…

ao longo da existência, fomos sendo erradamente informados, que a nossa transformação tinha sempre como sombra ( o pecado original), e os ( pecados que depois iam tendo origem em cada um de nós )…

não houve, por erro de educação, mas também por egoísmo dominador, a preocupação de educarem a humanidade, na base do amor, da paz, da integralidade absoluta, rumo ao bem…os que se iam esforçando nesse sentido, logo eram abafados, pelos dominadores mais atentos… a política e a religião, fez enquanto isso um casamento perfeito e um amparando o outro dominou o mundo desatento…

afastados que éramos então da competição com os santos e com os anjos, continuamos a ser apenas barro que quebrado dificilmente se emendaria, mas ainda que acontecesse ficaria sempre com as marcas dessa doloroso distracção… ou melhor dizendo as marcas do mal continuariam em nós…
hoje já não queremos as políticas ditatoriais e estamos exigindo das religiões maior abertura e completo restabelecimento da Fé e da Paz…
estamos a construir Esperança… o ser humano está tomar o rumo da sua existência…
está a perder o temor e está a construir através do amor, mas como tem pouca experiência está a demorar mais um pouco…

os seres de luz, neste século de esclarecimento urgente , e, encontrando espíritos sobre a Terra, menos egoístas e dispostos a esclarecer a humanidade, foram oferecendo parâmetros de educação espiritual, que motiva moralmente o esforço nessa escalada ascensional…

sabemos então que não ficaremos inertes, nem impunes, e muito menos vivendo como meros observadores dos planos celestiais…
sabemos que somos elementos activos nos planos universais e muito capazes de ascender a voos mais altos…
com esforço ?... que assim seja… 
o plano é nosso, o roteiro é particular, mas o movimento é colectivo, logo, eu mesmo percebo, que tenho responsabilidade no movimento dos outros…

por isso é necessário tomar consciência de que, para que os outros caminhem, eu tenho responsabilidades nesse impulso…
o que me resta portanto?...
confiar e caminhar… respirar fundo e perceber que isso de ser pigmeu, já era…
vamos crescer…
o Bem o Bom e o Belo esperam por nós…

o mal não está para ficar, faz parte do percurso… faz parte da construção universal…

bom Domingo… e sejamos positivos…

lasalete 

 

neste momento eu estou ...: bem
publicado por lapieta@sapo.pt às 11:41

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2012

somos do mesmo barro...

 

 

um dia...
quem sabe um dia...
quando os laboratórios na Terra forem capazes de mostrar, que nitidamente, sem erro para suspeições, todos asilamos em nós a mesma matéria, já que esta não se perde , apenas se transforma, para dar forma a tudo que dela depende...

e, já que dependemos dessa matéria e não podemos existir sem ela, chegamos à conclusão que somos todos do mesmo e que por isso mesmo nos devemos respeitar, não inventando diferenças que não existem, e evitando acima de tudo fazer mal uns aos outros...

ao fazermos mal aos outros é a nós que fazemos... evitar fazer o bem, é acima de tudo atrasar o nosso crescimento como planeta...

ao longo do tempo, a grande maioria dos seres sobre a Terra, foi guiando o seu raciocínio, pela miserabilidade das religiões no que elas ofereciam de mais estranho ( as superstições, o medo do inferno, a inviabilidade do céu, a compra dum céu programado, o medo do pecado)... etc...

é exactamente sob este pálio de exclusiva salvação, para aqueles que confiavam às religiões a sua alma,e as suas riquezas, que o planeta se foi arrastando, deixando para segundo plano a imagem dum Deus verdadeiro, amoroso, justo e criador...

vestido de todas as deformidades que o cérebro humano pôde conceber, Deus aparece e desaparece, nos planos de fé dos homens sobre a Terra...
assim, vemos que a felicidade se escapa e assustando os homens que ainda não se conseguiram encontrar...

neste momento, creio iniciar-se a grande construção do ser sobre a Terra, e o ser, está a assumir a sua vida, como ser independente e que a cima de tudo deixou de sentir medo de Deus...

o castigo e o prémio que dependem da divindade, deixam de existir, e em seu lugar aparecem os grandes desafios, que mostram à humanidade a grande tarefa divina ( trazer todos os seres criados até ELE, sem excepção, mas completamente renovados por mérito exclusivo...

crescer, vai ser maravilhoso, quando nos entendermos, como sendo matéria única, sob várias formas, matéria que se renova, mostrando vários corpos com vários rostos, matéria que irradia beleza na forma de uma flor, matéria que desafia as alturas nas asas velozes duma ave que lidera os vôos mais altos e que desafia as leis que ainda não entendemos...

do óvulo minúsculo, até ao descobrimos o homem mais velho a tentar descobrir dentro de si o homem novo...

trabalhemos nossos sentimentos, investindo sempre, para que não acumulemos despesas que ditarão sem sombra de dúvida para os menos atentos um futuro menos promissor...

um dia... um dia... o laboratório terreno, mostrará que afinal, quer queiramos quer não todos somos irmãos... graças a Deus


lasalete

neste momento eu estou ...: na luz
publicado por lapieta@sapo.pt às 18:38

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 27 de Dezembro de 2011

a massificação dos desejos...

 

 
E foi assim, que instruídas as sociedades, se instruíram as mentalidades, que dia após dia, com métodos supostamente organizados, converteram o mundo, em uniões desunidas e alteradas, sob o ponto de vista económico, financeiro, social e organizativo…

é tão simples...constituídas que são as cúpulas, que obliteram os raciocínios, o público consome o que vê, ou o que, supostamente vê… 
consome sobretudo o que as cúpulas pretendem que se veja…

assim , assistimos à anulação das vontades intrínsecas do ser, e percebem-se, as sub-vontades de conclusão periférica, que não subsistem, porque não resultam em profundidade, mas que se nutrem da superficialidade do objectivo ( construir, mentes mornas, sem capacidade resolutiva)…

até então foi assim...

e 2012 ?...
2012, necessita de concluir um processo de paz interior, onde todos em conjunto, acordem para um projecto renovador, que traga perfeito equilíbrio ao planeta, dos homens que se querem dizer gente…

A Terra, que alberga uma enorme fatia de seres reencarnados,já de há várias reencarnações, e que atravessa neste momento a crise da sobrevivência universal, saturando os princípios activos da revolução transcendental, está neste momento a modificar o seu sistema humanizante, vinculando as suas vontades à forma mais simpática de existir… o amoroso dever cumprido…

Assim, a massificação dos desejos, sairá derrocada, e cairá sem sustento…

Sem sombra de dúvida, os povos irão usufruir dum consumismo ainda mais exagerado, apenas pela sofreguidão de ( queimar os últimos cartuchos), porque lhes assiste a consciência de que, viver desta forma, já não lhes é mais possível…

Aqui , vemos então a vitória do espírito sobre a matéria, não a derrotando contudo, mas operando em conjunto com a mesma, a absoluta LEI UNIVERSAL…
Espírito e matéria, aguardando o porvir das novas e esperançosas gerações…

2012, ao contrário do que está exposto por aí, será um ano promissor, e aprenderão todos, que viver, é fundamental, quando na essência, se procura a profundidade do ser, onde ainda, em forma embrionária, resguardado está o AMOR, semente de colheita oportuna, neste início da exultação universal…

Unam-se os povos, e, unidas as vontades, a Terra sobreviverá a mais uma guerra , a guerra da MASSIDFICAÇÂO DOS DESEJOS…

Um bom ano…

lasalet... 21,30... 27.12.2011

neste momento eu estou ...: em paz
publicado por lapieta@sapo.pt às 22:58

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 4 de Julho de 2011

vida a pós vida ...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

qual é afinal, o motivo que nos traz á  vida?...

 

qual é afinal, a necessidade que todos temos em viver dia a pós dia, uns mais serenamente outros nem tanto, e porque é que de cada vez que terminamos por resolver um problema, outro se depara?...

de todas as vezes que terminamos um relação, que por vezes até nos faz sofrer, logo nos colocamos á disposição de outro relacionamento?...

somos  maltratados por um amigo, e logo outro aparece para substituí-lo... e aceitamos ? … claro e sem olharmos para traz…

 enfim , sempre substituímos as nossas capacidades por outras e sempre continuamos de momento em momento, vivendo e convivendo o melhor que podemos...

lá vamos fazendo as nossas escolhas e tentando acertar de cada vez que as oportunidades de mostrarmos a nossa firmeza se vai apresentando...

 

de uma forma ou de outra, lá vamos presenteando a vida... ou será, que é a vida que nos vai presenteando a nós?...

 

cada um de nós, neste momento, está a observar a vida com um novo olhar...

 

os episódios menos amorosos estão a abrir-se diante de  nossos olhos, mas também podemos perceber que novas mentalidades vão abrindo caminho no domínio da solidariedade... e ser fraterno hoje em dia, já vem sendo cada vez mais possível, embora as opiniões mais sépticas, eu continuo a acreditar, que hoje quem é solidário já o faz de forma mais consciente...

 

a cada dia que passa, já vai sendo possível ao dialogar, perceber a diferença de análise e de compreensão sobre a vida, que não era possível há 50 anos atrás...

 

já vamos descobrindo seres humanos, mais tentos aos problemas sociais, científicos, geográficos, ambientais, etc ...

 

com grande satisfação, já surpreendemos pessoas que sobre os factos do quotidiano, vão filosofando de forma mais construtiva e vão dissecando as situações , já dentro de um certo contexto espiritual, que outrora nem sequer eram estendível...

hoje já percebemos a vida no seu conteúdo mais extenso de energia e sabemos que a energia que verte ( do alto), não é produto de um milagre nem de um deus terrível e vingador, mas que estamos todos emersos numa energia e numa lei divina que nos permite agilizar e viver em igualdade de circunstâncias com todos os seres do universo, sujeitos á lei de acção e reacção que lidera tudo e todos...

 

já vamos entendendo, que orar, apenas, não é forma de viver, mas que viver fazendo o bem , não pode ser ilusão, mas tem que ser uma forma de concretizar plenamente possibilidades de paz e de harmonia constantes...

a oração é um apoio, mas a concretização do bem, é a melhor das orações e o acto mais correcto de intensificar a Fé…

 

os seres humanos, que agora querem saber mais, já percebem que não há algemas, que não há grilhetas, forjadas pela ignorância, que mantinham  prisioneiras as almas que se sentiam menores, que desconheciam, que não se atreviam nem sequer a pensar, porque determinados assuntos eram tabu…

 

hoje, ler e pesquisar, é como entrar numa mina de ouro e encontrar um filão interminável, que nos deixa ricos, cada vez mais ricos, conforme vamos avançando…

 

hoje em dia, é possível aparecer á luz do dia, sem medo de Deus , sem medo do pecado e sem medo da condenação...

hoje em dia, a vida nos mostra que tudo está nas nossas mãos e que ser feliz, é não só uma possibilidade, mas uma obrigação, de todos nós sem excepção…

vida após vida, todos os seres vão adquirindo possibilidades únicas de entendimento com o universo e vão aperfeiçoando a sua forma de existir…

 

o mundo terreno neste momento está a vivenciar uma mudança possibilitado pelo desejo de crescer …

 

está a ser difícil, mas não será impossível de ultrapassar… os que não se quiserem incluir nessa mudança sofrerão os seus embates mais duros, os outros irão continuar a viver de forma mais correcta e crescerão interiormente, passando estes momentos de forma mais serena…

 

mudar sempre implica esforce e sacrifício… mas não poder mudar nunca, seria o caos para todos nós e sofreríamos muito mais…

 

vida aos vida é um presente divino para todos e para tudo…

 

viva e deixe viver… aprenda e ensine e assim justificará a confiança que Deus tem em si…

 

um abraço

 

lasalete…

neste momento eu estou ...: bem
publicado por lapieta@sapo.pt às 14:22

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Outubro de 2009

saramaguisses...

 

DEUS

 

nunca falta oportunidade para um pé de conversa, nem mesmo para deputados cristianizados ou para cristãos que por tudo e por nada se sentem muito insultados com as opiniões, contrárias ao seu suposto acreditar...
 
mas... até que ponto se defende com dignidade e fidelidade os propósitos proféticos ou as advertências do mestre Jesus?...
 
com que caracterização, fomos assistindo, século após século, a todo um conjunto de barbaridades que em nome de Deus e depois da cristandade, manifestamente, levaram ao cadafalso inúmeros seres humanos, que não professando a mesma fé, ou que supostamente comunicavam com o além, de imediato eram maltratados e martirizados, restando-lhes apenas serem recebidos no outro lado da vida, por espíritos amorosos, que compreendendo a pouca evolução dos chamados crentes, vão ficando na certeza de que a própria evolução fará o resto...
 
todos nós, qualquer que seja a nossa evolução espiritual de que somos portadores, temos direito á nossa opinião… sobre Deus, sobre a vida, sobre qualquer aspecto do mundo espiritual...
 
acreditar em Deus é muito difícil...
 
A inteligência de Deus se revela em suas obras como a de um pintor em seu quadro, mas as obras de Deus não são o próprio Deus, assim como o quadro não é o pintor que o concebeu e executou. Livro dos espíritos - capítulo - 1
 
as opiniões dividem-se, e, de forma controversa, nós assistimos diariamente a  atitudes estranhas, que declaradamente desvirtuam por parte dos crentes, o "AMAI-VOS UNS AOS OUTROS COMO EU VOS AMEI" ...
 
como podemos insistir com os que não crêem que Deus existe, se fomos nós cristãos, que pelo exemplo, ao longo dos tempos, mostramos que Deus para nós valia tão pouco… com as atitudes pouco dignificantes que não foram mais do que, tormentos e padeceres infligidos aos nossos irmãos de jornada...
 
não necessitamos de invocar comunidades anómalas,  para termos alguma razão, como  a inquisição, as cruzadas, as fogueiras ou outro tipo qualquer de excomunhão ou arbitrariedade sacrossanta…
 
basta observarmos o comportamento do mundo cristão...
nem necessitamos de apontar o mundo islâmico e todos os fundamentalistas que pululam por aí, pertencentes aos mais variados cultos e crenças...
 
no fundo, Saramago mostrou, sem mesmo ele perceber, que acreditar é realizar...
e foi pela palavra aquilo que nós cristãos somos pelo exemplo…
ferir para vencer...falar sem ponderar...
ninguém é senhor da verdade... todos temos direito á nossa opinião...
 
quem sabe se os ateus, estão é espera de que os cristãos demonstrem o seguinte…
se acreditas no amor... ama...
se acreditas no perdão ... perdoa...
se tens fè ... acredita ajudando...
se acreditas na Caridade ... sé caridoso...
se falas em esperança... então porque retiras a esperança a tantos seres humanos...deixando-os á fome, ao frio, sujeitos á dor, sem instrução e torturando-os nos seus conceitos de liberdade...
 
aqueles que criticam Saramago, ou outros Saramagos por aí, nada percebem de Teologia...
Deus é infinitamente perfeito, e, acreditar é também uma ciência...
 
não é fácil ser-se fraterno ou solidário...
 
se Saramago é ateu, quem sabe, não o é,  porque os que dizem acreditar em Deus, desse Deus deram muito mau exemplo? ...
 
Deus é infinitamente perfeito... Deus é ...
 
quando o homem deixar de perguntar… quem é Deus? … e aprender a perguntar ... o que é Deus ?...
então aí, pode obter a resposta, que os espíritos deixaram á humanidade...
"DEUS É A INTELIGÊNCIA SUPREMA CAUSA PRIMÁRIA DE TODAS AS COISAS "
 
cabe-nos a nós, sermos o efeito dessa causa suprema , amando tudo e todos, e esperando a sua evolução, porque o mundo está a evoluir, e crentes e não crentes fazem parte desse conscencial colectivo, a que nenhuma vontade pode furtar-se, e, donde nenhum movimento pode fugir...
 
que importa que quem é ateu não acredita em Deus ?...
o importante é que Deus continua a acreditar neles...
 
na vida tudo é movimento, e, mais dia menos dia, todos estaremos na mão Deus, cumprindo a sua vontade...
 
mas até lá, fiquemos com a certeza... as trevas não são eternas e Deus está acima das vãs opiniões humanas...
 
provar que Deus existe é difícil...
provar que Ele não existe é impossível...
 
saramaguisses, que sempre ajudam a falar de algo... neste caso de Deus...
graças a Deus... e também a Ele o Prémio Novel do Amor Universal...
 
lasalete
 
 
neste momento eu estou ...: feliz e atenta
publicado por lapieta@sapo.pt às 15:13

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 9 de Agosto de 2008

nova oportunidade...

 

 

a cada dia que passa ...
a cada momento que nos abraça...
a vida se desdobra em mil razões para nos ensinar...
 
de novo o fim de semana ?...
 
se durante a semana nos dizemos pressionados por razões de ordem laboral, no fim de semana se não temos a nossa emoção bem arrumadinha, dizemo-nos pressionados pela família... porque não nos entendem, porque nos consomem... porque .... porque ... porque… enfim...
não será, porque nós mesmos, já não estamos verdadeiramente  ligados aos que fazem parte do nosso círculo mais próximo ?...
 
ou então...
porque destruímos a capacidade de nos encantarmos com coisas simples ?...
porque consentimos paulatinamente a destruição da inocência e a pureza de carácter das nossas emoções ?...
porque deixamos que tomem conta de nós, os desejos reprimidos que nos castraram as emoções e os anseios ?...
porque nos permitimos envenenar pelos medos alheios, tecidos no manto de leis de moral social, que Deus não criou ?...
porque esquecemos como é bom gritar " eu quero a liberdade"...
ou porque ignoramos um laboratório fantástico e muito particular que se chama consciência... onde de forma sequencial realizamos e guardamos as fórmulas secretas das nossas experiências?...
 
 
tudo porque, por ignorância... 
arrumamos erradamente na nossa ideia, que temos um plano Kármico que se cumpre com enorme sacrifício... errado...
o plano kármico de cada um de nós é nada mais nada menos que a súmula do passado, do presente e do futuro, apenas a pedir brilho espiritual...
então, o karma é o nosso despropósito e o nosso propósito, daí que estejamos e ser solicitados constantemente para darmos respostas cada vez mais elevadas, por isso mesmo os nossos problemas sobem de grau de dificuldade, ou se apresentam repetidamente, porque a vida nos quer  mostrar que sobre o assunto ainda não demos  a resposta adequada...a mais correcta...
 
a fragilidade do nosso ser, ainda se mede pela falta de compreensão sobre a missão de cada um no seu plano kármico... é afinal é tão simples ... é darmos à vida uma resposta mais consciente... menos egoísta e mais dinâmica...
 
não temos que aguentar nada, nem ninguém, pois que este tipo de raciocínio se constitui num apreciar medíocre da nossa razão de viver e até da bondade divina...
cada um de nós tem uma ferramenta de acção utilíssima que se chama livre arbítrio...
 
entender o que nos é solicitado e entendermos quem somos e ao que viemos, é o grande desafio das geração actual…
todos reencarnamos numa época áurea… viemos à Terra na era de novo conhecimento, onde nada está oculto, onde nada está vedado e onde tudo está à espera dum parecer conclusivo...
 
a nossa escolha é por isso mesmo a batuta kármica que vai permitir a modelação duma obra maravilhosa... da sinfonia de vida que espelhará a nossa elevação
no painel de opções que se desdobra à nossa frente, fazermos a escolha certa, é na realidade um alívio… e pelas escolhas que fizermos podemos aferir do grau de adiantamento que temos...
 
o percurso de cada um de nós dita portanto a cada dia, nova oportunidade...
é só querer saber quem são os que nos rodeiam, observá-los e entendê-los dentro das suas dificuldades e carências afectivas e espirituais...
 
a cada momento a sua oportunidade...
a cada oportunidade a sua resposta...
a cada resposta o seu conhecimento...
a cada espaço de conhecimento a sua aplicação...
a cada aplicação a sua escolha...
a cada escolha a devida protecção...
a cada protecção o seu merecimento...
 
a sementeira é livre... a colheita obrigatória...
 
navegamos num mar de indecisões, apenas porque nos assiste ainda a ausência de esperança e de consciência absoluta de que somos um ser cósmico, a trabalhar para o bem do universo...
 
não nos quedemos porque as nossas resposta ainda são menores de conceito... mas arrisquemos mais, que logo, logo, nos observaremos a dar respostas mais completas e de maior ordem de grandeza espiritual...
 
neste fim de semana... pensemos... será que até têm razão... quem sou eu afinal ?... o que vim cá fazer ?... quais são afinal os meus anseios ?...
 
não acreditemos, que tantos sacrifícios são apenas o ensaio para o grande espectáculo da nossa incompetência, onde os nossos ideais se sintetizam no querer uma casa nova e mais bonita que a dos amigos, ou no desejar a todo o custo o carro de última marca... tudo isto é muito pouco, para quem foi criado por Deus...
 
nós somos grandes… então tenhamos desejos de sabor divino ...
nós somos grandes… então tenhamos atitudes de características universais...
nós somos deuses... assim o disse o Mestre de Nazaré... então coloquemo-nos nos parâmetros de grandeza de que dispomos...
 
todos os dias um pouco de cada vez e estaremos cumprindo o que Deus destinou para nós.. sermos inevitavelmente felizes...
 
avancemos vida fora, com consciência e vontade resolutiva de abraçar-mos as novidades que a vida tem para nos oferecer… acreditemos em nós…
 
acreditemos ou não… quer queiramos ou não… somos vida em movimento e cada um dos nossos gestos mentais influi grandemente na vida do universo…
 
solto de mim  o desejo eterno de que esta mensagem atinja quem a ler no maior manto de felicidade possível...
 
um abraço de paz ...  lasalete

 

neste momento eu estou ...: feliz e muito ocupada
publicado por lapieta@sapo.pt às 13:55

link do post | comentar | favorito
|

CONHEÇA MELHOR



mais importante que verbalizar doutrinas é humanizar atitudes


 

e-mail gifs

coracaocidade@gmail.com


free html visitor counters
hit counter




<




body

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


gifs

ainda que eu fale a linguagem dos anjos e dos santos... se não tiver caridade nada sou...

posts recentes

JESUS TAMBÉM VAI AO BAIRR...

o mal existe? ... foi cri...

somos do mesmo barro...

a massificação dos desejo...

vida a pós vida ...

saramaguisses...

nova oportunidade...

mais comentados

arquivos

tags

portugal

vida

porto

portoblogs

eu

amor

parlamento

actualidade

pobreza

solidariedade

politica

país

política

eu pensamento poesia blogs

blogs

poesia

eu pensamento blogs vida solidão pobreza

pensamento

solidão

pensamentos

todas as tags