Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Crónicas d'O Coração da Cidade

a instituição que o povo do Porto elegeu para si ...

Crónicas d'O Coração da Cidade

a instituição que o povo do Porto elegeu para si ...

permite... ( poema)

 

que permites tu sentir que não arriscas

que doa o coração por longa espera

que permites tu ao mentir que não arriscas

que no teu coração seja sempre Primavera.

 

permite... permite que o teu amor crie venturas

que dê asas peregrinas ao voar

que solte ao vento as velas como rimas

pela força que a alma que ama, tem de amar.

 

permite... permite que o mundo acenda mais fogueiras

com o fogo dos olhos amantes de quem chora

permite um passeio ao cais,  mesmo que queiras

prender tuas amarras ... vai-te embora...

 

aqui...  os pássaros famintos estão aos ais

porque não sabem amar  sem alimento,

quebram as asas em gritos sempre iguais

e deixam para o mundo o louco sofrimento...

 

permite que volte para ti o Verão que aquece a alma

que te isola do mundo falso, louco e indolente

que não pergunta , se dás, se tens, se amas com calma

se pedes sofrendo uma esmola, por esse amor ausente...

 

permite ver teu rosto chorando à luz da Lua

sem medo que o Sol, com ciúme se enfureça

permite que o vento solte a voz que é rouca e nua

e que a noite ao ver-te chorar te reconheça...

 

se tens por horror perder batalhas sem lutar

permite ser herói por amor só uma vez

deixa-te seduzir na certeza de ganhar

a vitória sobre o amor , que louco assim te fez.

 

os lobos famintos nas sombras, são irmãos

dos chacais que devoram sem horror,

aqueles que amando no mundo sofrem mais

chorando em silêncio em nome do amor...

 

permite então que a paz em ti  entre e sacie

permite que a fome de amor não possa acontecer

que o coração bata mais forte por amor e irradie 

porque sedento e consciente, à fonte  vem  beber...

 

os poetas,recolhem de todo o mundo o choro errante

as ninfas, os magos, também choram  quando há dor

permite então estender as mãos e avança triunfante

para viver  sem mágoas, em nome do amor...

 

lasalete ... ( poemas de dor e pranto) ( 14-8-08)

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



gifs

CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D