Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas d'O Coração da Cidade

a instituição que o povo do Porto elegeu para si ...

Crónicas d'O Coração da Cidade

a instituição que o povo do Porto elegeu para si ...

na outra margem ... mesmo no Coração da Cidade...

 

 

estou quase a sair de casa...

para mais uma travessia pelos caminhos da solidariedade…

 

tenho de ir até à outra margem…

 

espera-me a família de voluntários que se prontificaram comigo, à semelhança de anos anteriores a realizar com as pessoas mais carenciadas um dia de convívio a que chamamos jantar de Páscoa...

 

no Coração da Cidade, não nos pautamos por acções extemporâneas de apoio às pessoas sem abrigo, mas fazemos questão de estarmos com eles no momento em que todos os outros fazem questão de estar com a ( sua família)...

 

Jesus quando lhe disseram( estão lá fora tua mãe e teus irmãos, Ele respondeu sem hesitação... - quem são meus irmãos e minha mãe, senão aquele que faz a vontade de Deus)...

 

todos sem excepção são irmãos e de toda a gente... filhos de Deus, que embora ausentes da família pelos mais variados e impressionantes motivos, estando também à parte da sociedade, gravitam neste mundo, de certeza absoluta , na esperança de uma oportunidade diferente... e neste dia, tão simples a oportunidade... comer a uma mesa... sem ser na rua, no chão... a uma mesa como come toda a gente...

 

ontem tudo ficou preparado para que a Páscoa pudesse acontecer...

Jesus passou por ali mais cedo e saiu connosco por volta da meia noite...

 

entrará connosco por volta das 10 horas da manhã, para assar o borrego com que brindaremos com sabor especial os que em nós confiam, para sentirem o sabor diferente ( o gosto da mesa da família)...

 

Páscoa a isto, é fazer a travessia, pelas veredas da vida com aqueles que têm mais dificuldade em prosseguir...

é caminhar com eles mais vinte passos de cada vez e mais vinte e mais vinte e mais mil... todas as vezes que forem necessárias...

 

é urgente que não deixemos os nossos irmãos da rua desamparados oferecendo a todos eles apenas as migalhas que nos sobram, mas também lhes prodigalizemos espaços de acção do nosso coração tal qual faríamos coma nossa família com ela confraternizássemos...

 

depois da sopa e do borrego assado com batatinha, acompanhado com arroz de forno, laranja e azeitonas, estaremos preparados para dar a cada um, uma caixa recheada de fatias de pão de ló, um saquinho de amêndoas variadas e uma caixinhas de deliciosos bombons...

 

é isto que eu pessoalmente considero Páscoa... fazer aos outros tudo aquilo que eu gostaria que me fizessem a mim se estivesse nessa situação...

 

não importa se a televisão veio até nós, se os jornais deram notícia, o importante é que estivemos a lutar durante muito tempo, porque estamos em época de vacas magras, para que este almoço/jantar, fosse uma realidade...

 

a todos os que amorosamente colaboraram connosco que Deus os ajude em prosperidade e abundância de bens, materiais e espirituais...

 

a Jesus estou grata pela força e pela coragem de todos os voluntários que se disponibilizaram mais este acto de amor...

 

para todos mais uma vez feliz passagem pelo conforto e pela abundância...

tenham uma Páscoa Feliz...

 

lasalete

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



gifs

CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D