De Anónimo a 10 de Agosto de 2010 às 11:26
Olá...uma pergunta me invadiu a mente, tem a ver com a parabola do filho prodigo, e da frase que se usa muito caridosamente "fazer o bém sem olhar a quem". A pergunta é a seguinte:
- Se o "filho prodigo" da parabola, em vez de ter vindo ao encontro do pai da forma que veio, arrependido e humilde, tivesse vindo cheio de arrugância e de direitos a resposta do pai seria a mesma? O que acha D. Lassalete, para mim a sua opinião conta muito. Se me pudesse responder agradecia.Bjos.
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres