Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas d'O Coração da Cidade

a instituição que o povo do Porto elegeu para si ...

Crónicas d'O Coração da Cidade

a instituição que o povo do Porto elegeu para si ...

meu diário de dor e pranto...

 

ouço-lhe a voz...

 

uma voz cálida e dolorosamente envolvente...( povo que lavas no rio)...

 

cantava ... como ela cantava... chorava como ela chorava...

talvez como ela, ninguém consiga com tanta verdade na voz ,expressar a dor dum povo que diariamente se sente suspenso...

quer ditará a queda deste povo, magoado de tanto sofrer, calado a chorar constantemente, trémulo das indecisões que não lhe pertence...

 

assistindo a um cortejo vergonhoso onde os que mais possuem se passeiam pelas primeiras páginas dos jornais...

 

as empresas encerram todos os dias...

todos os dias centenas de lares sofrem pela inconstância da sua sobrevivência...

 

os portugueses queridos estão a partir um após outro e connosco fica o despotismo e a desfaçatez ...os poucos homens sérios que sobraram também irão... e nós ?... com quem ficaremos...

 

todos os dias somos assaltados por notícias de uma barbaridade execrável ...

 

para onde caminham os jovens...

que exemplos estamos a estender às crianças que já não passeiam indiferentes às notícias que se oferecem abertamente nas bancas de jornais...

 

se as manchetes oferecem nomes sonantes como espectáculos pouco saudáveis duma sociedade decadente... pertencentes ao JET7 do conflito e da promiscuidade... que país meu Deus que nada tem para oferecer a não ser drama e dor em tal proporção que chega a doer por dentro...

 

os centros de saúde estão replectos de almas em solidão ...

as urgências hospitalares não diminuem a sua afluência... pelo contrário têm mais gente aflita, somatizadas que foram as dores íntimas e as amarguras de toda a ordem ...

os tribunais afogam-se em processosl que perfeitamente se evitariam se a felicidade e a prosperidade estivessem ao alcance de todos e não só de um grupo ( impunemente falível ), mas que falha aos olhos de toda a gente...

 

as delegações de polícia estão pejadas de queixas que diariamente espelham a confusão e o desespero em que habita a população portuguesa...

 

quem escreve este diário de dor e pranto ...

 

quem mata a fome a esta gente que de todo o mundo veio procurar em terras lusas a prosperidade que está tão longe do alcance da maioria...

 

acudam a este povo que apenas lhe resta ... talhar com o seu machado as tábuas do seu caixão...

 

lasalete

 

aniversário do AMA

faz neste exacto momento 13 anos que a Associação Migalha de Amor inaugurava na Rua do Almada as suas primeiras instalações...

 

aí iniciava uma nova aurora abrindo toda a sua boa vontade à luz consoladora da Doutrina Espírita ...

 

aqui como fundadora deste espaço de luz, que mais tarde em 1996 deu lugar ao Coração da Cidade, agradeço a Deus, a Jesus e aos Espíritos Superiores, por esta oportunidade e também pelos amigos da primeira hora e por todos os que a seu tempo vieram como anjos ao meu tão difícil caminho...

 

abraço a todos os que passaram por este espaço de amor, pedindo perdão por todas as falhas que possa ter cometido...

 

a todos os que de qualquer forma ajudaram a cimentar este projecto de luz, o meu imenso obrigada e que a todos a Luz divina favoreça em seus projectos de vida...

 

ao mentor deste espaço de paz e oração " SAMUEL" e ao meu  guia espiritual " AURO" o meu beijo de eterno agradecimento...

 

Lasalete ...

não ouço cantar o vento...( poema)

 

 

 

não ouço cantar o vento

nem tão pouco a neve cai...

nem descubro nuvens soltas

nem notas de som revoltas...

não ouço cantar o vento...

não sei dos silêncios vida

não sei das vidas que soltas

vêm sem norte, quais velas

empurrando caravelas

num mar que as deixa mais sós...

sem amarras de outros nós,

sem ajudas divinais... 

por isso não ouço o vento

que traz abraços aos ais,

que traz beijos maresia,

que entrega aos sós as saudades

bordando as praias  vazias

das sereias sem idades...

 

não ouço cantar o vento

que me trazia recados

dos homens em agonia

debruços por seus pecados...

de almas sem fé , vazias...

de almas cheias de amor...

trazidas no som dos dias,

no canto dos trovadores

que não morrem... que não choram,

que apenas cantam amores...

o vento canta e encanta

quem escuta tempestades,

que as almas do mundo entregam

à fogueira das vaidades...

que Deus devolve sorrindo

ao mundo que cria amando

e que de noite ou de dia

devolve ao vento cantando...

 

por isso ao sentir o vento

eu sei que é belo e profundo

e quando o ouço cantando

é Deus abraçando o mundo... 

 

lasalete ... 2 de Abril de 2008 ... 9.00 h

mãos de fada...

 

o Coração da Cidade está a precisar de mais mãos para trabalhar...

 

mãos de fada, que se esforcem em nome do amor por uma causa que é de todos ...

 

uma causa que parece ser uma eterna herança " a pobreza"...

 

uma causa que todos nós causamos com a nossa indiferença...

 

o Coração da Cidade está a necessitar de mais mãos generosas...

 

venham até nós e façam explodir o vosso coração de amor...

 

o mundo está a necessitar de amor...

não fique em casa...

  • experimente amar fora do casamento...
  • experimente amar os filhos dos outros...
  • experimente amar outros, que não você mesmo...

assim pode descobrir como é um ser humano com sorte e com sorte os seus familiares vão ser apreciados , porque ao contactar com os mais frágeis do caminho passamos a dar mais valor à família que temos...

faça um pouco pelo mundo... e como Jesus aconselhou..." amemo-nos uns aos outros como Ele nos amou"

 

o amor ao próximo ainda não é um gesto diário...

se na realidade já está a despertar para a solidariedade...

venha... nós precisamos de si...

 

faça-se voluntário...

 

faça o seu parto solidário...

 

"ser voluntário é estar grávido de amor e fazer nascer a esperança todos os dias"

 

lasalete

Pág. 2/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



gifs

CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D