Sexta-feira, 9 de Novembro de 2007

fria exclusão ...

 

estamos todos a brincar com os direitos  humanos...

 

um dia alguém nos vai pedir responsabilidades...

 

as crianças de hoje serão os adultos do amanhã, transportando as directrizes do presente desorganizado...

 

com que direito ensinamos de forma deficiente ?...

 

 

a displicência com que assistimos às irregularidades da educação cívica ...

a forma discriminatória como ainda vivemos...

a falta de recursos, com que muitos seres humanos ainda sobrevivem...

o desespero atroz, com que muitas famílias tentam criar os filhos...

a degradação galopante da sociedade actual ...

a permissividade das falhas, que quase vulgarmente aceitamos, como modernidades, mas que se reflectem na vida activa, como ciclos que já aprendemos a evitar...

a falta de visão dos governos mundiais para cauterizar a exclusão social ...

a precariedade de meios, humanos para ajudar a incluir...

a deficiente acção programada, para criar cidadãos de plenos direitos e respeitáveis deveres...

a terrível e injusta distribuição de riqueza...

a separatividade dos bens terrenos e o apadrinhamento dos favores políticos, ainda que disfarçados...

os subornos disfarçados por debaixo do pano...

a sistematização do agravamento dos impostos, sem imposição cívica e contrapartidas sociais...

a massificação dos parques habitacionais, ondulantes na sua maioria por avalanches e grupos de violência...

a falta de pudor e aprimoramento das entidades responsáveis no seu exercício comunitário...

a extorsão de direitos humanos, como reflexo da falta de amor ao próximo ...

a banalização do processo de exclusão...

 

e o aproveitamento do facto para brilhar, têm sido factores de apavorada responsabilidade para a manutenção da fria exclusão, que ao longo de anos tem sido aparentemente estudada, mas que não está envolvida na vontade colectiva para ser debelada, rapidamente ...

 

apenas bastaria que cada um daqueles que estuda o problema, para ele e sobre ele se debruçasse no sentido de o ajudar, construindo bases sólidas para uma sociedade mais justas e não fosse temporariamente apenas inquilino de algumas propostas  periclitantes que de imediato são excluídas, mal de derruba o governo vigente...

 

a mudança sistemática de governo político, tem sido o grande e terrível causador da exclusão social...

 

as lutas políticas, existem como celas onde o esforço colectivo fica prisioneiro e a falta de respeito por alguns trabalhos, sérios e honestos, são deitados fora, apenas porque não foram criados dentro da cor política a que pertencemos...

 

por muitos motivos eivados de personalismo estúpido , a sociedade sofre e logicamente os mais fracos, são os que sofrem de forma mais dolorosa, vivendo sistematicamente na indigência e na subalternidade de um sistema deficitário...

 

é necessário sentir algo interiormente, como amor ao próximo e responsabilidade moral, para nos colocarmos mo patamar educador e evolutivo dum mundo que neste momento está sob a nossa responsabilidade...

 

por tudo isto podemos com mágoa concluir que a exclusão social é falta de responsabilidade...

 

adultos irresponsáveis a tentar entender assuntos de severa responsabilidade, só pode criar um mundo hostil e deficiente, no que respeita a direitos e a deveres...

 

a maneira desrespeitosa com que se distribui a riqueza e se planeiam as prioridades sociais e governamentais, são o espelho da opinião que tenho sobre a miséria actual...

 

a problemática da exclusão deve ser repartida por todos nós e será debelada a partir do momento que em que cada um de nós de forma declarada assuma a sua cota parte de responsabilidade...

 

façamos pelos outros um pouco e o problema começará a ser menor...

lutemos pela justiça social dentro do nosso espaço...

juntemos o nosso esforço ao esforço que já existe...

tentemos incluir nas nossas responsabilidades a responsabilidade cívica ...

não nos excluamos da mudança colectiva que tem que acontecer...

façamos eco da nossa vontade...

 

avancemos por um mundo melhor...

 

lasalete

 

 

neste momento eu estou ...: amando
publicado por lapieta@sapo.pt às 08:07

link do post | comentar | favorito

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


gifs

ainda que eu fale a linguagem dos anjos e dos santos... se não tiver caridade nada sou...

posts recentes

AMAR COM AMPLITUDE...

A AVENTURA DO ENVELHECER ...

receber ajuda, sem ter q...

quer um coração novo... ...

3 B ... O BEM O BOM E O ...

o BEM e os BONS ...

NATAL COM ALMA

quando o amor faz a difer...

O MEU PEDAÇO DE CHÃO

O MEU PEDAÇO DE CHÃO

RESSUSCITAR PORTUGAL

O CRISTO ILUMINADO

TODOS OS CRAVOS FALAM DE ...

A CRUZ DA CONVENIÊNCIA .....

O BANQUETE DAS FERAS

SEMPRE QUE O AMOR ME QUIS...

MOMENTOS DE SOLIDÃO/ SUIC...

SER CIDADÃO É ESTAR ATENT...

EXECUTORES DO DESTINO

A ALMA ÀS RISCAS ... OU A...

estou quase nascer...vai...

HÁ FESTA NA MINHA RUA ...

TODOS OS NATAIS SÃO SEMEL...

...

O NATAL DOS ANJOS...

O AMOR É A FORÇA DA BOA V...

UMA ROSA PARA QUEM SABE B...

SE O MUNDO TIVESSE A COR ...

À PROCURA DE UM CAMINHO.....

OS BONS TÊM QUE ACORDAR.....

recolha alimentar com gen...

subscrever a vida com amo...

ser mulher ...É SER LIBER...

obrigada...

MIGALHA --- UMA PIRÂMIDE...

MIGALHAS DE AMOR PARA PRE...

2014... só de mãos dadas

ABRACE UMA MESA DE NATAL....

O AMOR ESTÁ CHAMANDO A HU...

ONDE MORA A LIBERDADE ?.....

uma luz na escuridão...

11 ANOS DE AMOR E DOR…

a química da lágrima e a ...

E VOLTAMOS A FALAR DE POB...

O CORAÇÃO DA CIDADE , tem...

ALIMENTAÇÃO...VERSUS...HU...

Oração da Ternura

os artistas de Deus...

AMAR COM AMPLITUDE…

FOME DE PALAVRAS ...

mais comentados

8 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários

arquivos

tags

portugal

vida

porto

portoblogs

eu

amor

parlamento

actualidade

pobreza

solidariedade

politica

país

política

eu pensamento poesia blogs

blogs

poesia

eu pensamento blogs vida solidão pobreza

pensamento

solidão

pensamentos

todas as tags