Quarta-feira, 21 de Novembro de 2007

lágrimas do tamanho do mundo ...

gritos do coração

 

 

 

 são gritos do coração... 

 

chegam de olhar inquieto...

 

de cor, sabem todas as orações...

 

se lhes propusermos falar de si próprios, descobrimos que trazem impressa na alma uma via-sacra de internamentos e uma procissão de médicos, que dos quais já nem lembram o nome...

 

fazem parte das filas dos centros de saúde e alguns são conhecidos nos hospitais da especialidade...

 

alguns " quase todos ", têm internamentos dispersos nos momentos de crises mais violentas...

  

 

quem são ?... o que fazem entre nós ?...

são almas em delírio emocional e que cansadas vêm ao patamar do voluntariado, pedir ajuda, para se sentirem úteis , fazendo trabalhos simples... e convivendo entre nós , porque não lhes assinalamos a diferença, se sentem capazes de viver... por fim...

 

nos últimos tempos, de todos os lados, somos solicitados para acolher seres humanos sem paz, com dores emocionais profundas, que gritam em silêncio...

 

os pedidos chovem, ou por via particular, ou enviados por técnicos sociais, sempre os acolhemos com sorriso e com o coração...

 

nunca como agora, aconteceu este doloroso calvário...

 

coisas da vida e da crise generalizada, com a qual muitos seres humanos vivem com dificuldade...

 

este é também um serviço silencioso, que O Coração da Cidade vai prestando à sociedade... e aqui, deixo um louvor às responsáveis de área, que com toda a sua boa vontade levam a efeito esta tarefa tão difícil ...

 

quando chega ao fim do dia, o sorriso se instala...

eles, partem para a família com quem vivem, voltam para as suas casas...

nós ficamos com  a certeza, de  que, durante o tempo que connosco permaneceram, deixaram a ferida da depressão para trás...

 

perto da maioria, ninguém diz que aquelas almas estão em crise...

mas a protecção divina, neles poisa o seu olhar...

por vezes, no final do dia, vêm desabafar e aí, fazem brotar as lágrimas a quem os escuta...

são almas em sofrimento, trazem as suas dores dobradas no semblante , é preciso escutá-los e acarinhá-los... não lhes podemos negar a sua realidade, mas devemos operara neles o milagre da compreenção... desmenti-los seria violentá-los... sempre acreditamos que a seu tempo ficarão melhor, mais calmos e mais fortes emocionalmente...

 

acredito que neles o amor vai fazer a diferença...

 

é também necessário verificar se estão a tomar a medicação correctamente , se não se descontrolam, se não estão a desconpensar  e se estão a realizar tarefas de acordo comas suas possibilidades...

 

é preciso saber arrancar-lhes sorrisos o que conseguimos com alguma facilidade...

mas de sorriso em sorriso a vida lá os vai dispondo a uma nova descoberta...

começam a medo e terminam a gostar mais de si próprios...

 

o Coração da Cidade tem dentro da sua vida institucional,episódios fantásticos que a maior parte da população desconhece...

 

dentro desta casa a vida funciona a sério sempre na direcção da paz...

 

gosto das tarefas que desempenho e tenho a sorte de trabalhar com seres humanos que falam a mesma linguagem... que bom... sou muito feliz...

 

aqui deixo este apontamento a título informativo, para que sinto como bate este coração...

 

uma boa noite para vocês ... e agradeçam a Deus a sorte que têm...

 

que a serenidade purifique a vossa alma...

 

lasalete

neste momento eu estou ...: em paz
publicado por lapieta@sapo.pt às 21:08

link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Loinha a 23 de Novembro de 2007 às 09:36
Estamos próximo do Natal.
Tempo de partilha de Bens.

" Eu tinha fome e deste-me de comer"
(Dos Evangelhos)
Em tempo de Natal, multiplicam-se as vozes que fazem apelo à generosidade pela partilha de bens.

Nos primeiros séculos do cristianismo, existiam discursos de fogo, que lidos ainda hoje nos queimam a alma, como este extracto que Vos trago neste dia.

Os bens que possuis donde te vieram?
Se me dizes: do acaso, és um ateu porque não reconheces o Criador nem és grato a quem te proveu. Se confessas que vêm de Deus, tens razão.
Mas continuo a perguntar-te:
sendo Deus justo, como explicas que tenha partilhado desigualmente os bens que são necessários à vida? Porquê és tu rico e o outro pobre?

Tu que guardas todos os bens nas dobras de uma insaciável avareza, pensas que não estás a fazer mal a ninguém?
Pois que é um avarento senão o que não se contenta com o bastante?
O que é um espoliador senão o que arrebatou os bens de outrem?
E não és tu avarento? Não te sentes espoliador, tu que de Deus recebeste a gestão dos bens e te portas como dono deles para teu exclusivo proveito? O que despoja um homem de suas vestes tem o nome de "ladrão".
E o que não veste a nudez do infeliz quando o pode fazer, merece outro nome?

Ao esfomeado pertence o pão que tens em reserva. Ao homem nu pertence o manto que aferrolhas nos cofres.
Ao pé descalço os sapatos que apodrecem em tua casa.
Ontem como hoje ainda, é tempo de partilha.

Vamos meditar!!

Partilhando o que possuimos mesmo que não seja muito, será sempre mais do que aqueles que nada tem.

LOINHA

Comentar post

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


gifs

ainda que eu fale a linguagem dos anjos e dos santos... se não tiver caridade nada sou...

posts recentes

AMAR COM AMPLITUDE...

A AVENTURA DO ENVELHECER ...

receber ajuda, sem ter q...

quer um coração novo... ...

3 B ... O BEM O BOM E O ...

o BEM e os BONS ...

NATAL COM ALMA

quando o amor faz a difer...

O MEU PEDAÇO DE CHÃO

O MEU PEDAÇO DE CHÃO

RESSUSCITAR PORTUGAL

O CRISTO ILUMINADO

TODOS OS CRAVOS FALAM DE ...

A CRUZ DA CONVENIÊNCIA .....

O BANQUETE DAS FERAS

SEMPRE QUE O AMOR ME QUIS...

MOMENTOS DE SOLIDÃO/ SUIC...

SER CIDADÃO É ESTAR ATENT...

EXECUTORES DO DESTINO

A ALMA ÀS RISCAS ... OU A...

estou quase nascer...vai...

HÁ FESTA NA MINHA RUA ...

TODOS OS NATAIS SÃO SEMEL...

...

O NATAL DOS ANJOS...

O AMOR É A FORÇA DA BOA V...

UMA ROSA PARA QUEM SABE B...

SE O MUNDO TIVESSE A COR ...

À PROCURA DE UM CAMINHO.....

OS BONS TÊM QUE ACORDAR.....

recolha alimentar com gen...

subscrever a vida com amo...

ser mulher ...É SER LIBER...

obrigada...

MIGALHA --- UMA PIRÂMIDE...

MIGALHAS DE AMOR PARA PRE...

2014... só de mãos dadas

ABRACE UMA MESA DE NATAL....

O AMOR ESTÁ CHAMANDO A HU...

ONDE MORA A LIBERDADE ?.....

uma luz na escuridão...

11 ANOS DE AMOR E DOR…

a química da lágrima e a ...

E VOLTAMOS A FALAR DE POB...

O CORAÇÃO DA CIDADE , tem...

ALIMENTAÇÃO...VERSUS...HU...

Oração da Ternura

os artistas de Deus...

AMAR COM AMPLITUDE…

FOME DE PALAVRAS ...

mais comentados

8 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários
4 comentários

arquivos

tags

portugal

vida

porto

portoblogs

eu

amor

parlamento

actualidade

pobreza

solidariedade

politica

país

política

eu pensamento poesia blogs

blogs

poesia

eu pensamento blogs vida solidão pobreza

pensamento

solidão

pensamentos

todas as tags