Domingo, 16 de Março de 2014

À PROCURA DE UM CAMINHO...

 

 

 

 

e todos voltamos...

e nos fizemos propostos marinheiros, como se o mar desta aparente tranquilidade nos bastasse para descobrirmos a terra prometida ( a felicidade)...

no entanto, temos percebido algo muito estranho, se para tanto quisermos observar como se desloca a humanidade...

uma boa parte vive em festa...a outra em sofrimento…

 

os que vivem em festa, parecem  indiferentes ao mundo que os cerca...

 

enchem-se as passerellles, enchem-se os estádios, os cinemas...

 

sempre que existem encontros musicais, vão em número suficiente para esgotar o pensamento dos crentes da crise eterna...

 

os sons sobem no ar, as músicas entontecem e os gritos dos mais fanáticos são quase melódicos...

cada um grita mais alto que o outro...

os dias se fecham com as noites e as discotecas se enchem e engravidam as ruas que as abraçam...

 

ardem as gargantas em risos que soam a falso e em bebidas que se sorvem sem conta peso ou medida, mesmo que tudo isso possa custar a vida…

 

e tudo isto , pensando bem, todo este barulho acontece, para que não possamos ouvir os gritos dolorosos de quem sofre e não sabe, como comer, como sorrir, como se curar, como adormecer com esperança…

 

e neste misturar de emoções, nem as orações dos crentes se ouvem quando no silêncio da alma tentam ser ouvidas por Deus…

 

O problema está na dificuldade que temos em encontram um novo caminho que nos ajuste a um novo rumo…

 

Todos viemos à procura desse caminho para o qual fizemos nossos planos, porém parece que se apresenta difícil?...

 

Sempre será difícil, enquanto o egoísmo esgotar as madrugadas e vestir os dias de fictícia luz…

 

Precisamos de luz própria e essa luz só pode acontecer quando nos respeitarmos mutuamente…

 

 

 

Lasalet piedade

neste momento eu estou ...: em paz
publicado por lapieta@sapo.pt às 18:43

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 14 de Março de 2014

OS BONS TÊM QUE ACORDAR...

 

 

o mal efectivamente não existe, e ainda que o assinalemos, ele não pode instalar-se, porque, no Universo, tudo é movimento, e essa ( onda de mal) , logo se desfaz, ajustada por esse mesmo movimento, e impulsionada por este, se deixa atrair a uma outra fonte de energia , que paulatinamente vai transformando o mal em bem... 

a grande dificuldade para este tipo de compreensão, prende-se com a incapacidade de esperança que ainda envolve o ser humano... 

se apenas pensássemos e sentíssemos como espírito, de forma consciente, na dimensão onde estamos, e que nos mostra o factor tempo como impedimento para a grande esperança, não sofreríamos tanto, conscientes que ficávamos de que esse mal iria desvanecer-se... 

para que o mal se instalasse de vez, teria que existir uma força superior ao bem, que o colocasse definitivamente e massivamente no nosso plano... ora isso é impossível, porque a única fonte de criação, cria apenas o bem, e funciona como energia inspiradora para resolver o desajuste, próprio de inexperiência, ou seja ( o mal originado na incapacidade de manter o bem)... 

este longo trabalho é que vai fazer de nós espíritos mais completos... 
enquanto isso não acontece, vamos sobrevivendo como espíritos mais complexos... mas estamos lutando ... e isso é maravilhoso... 

abençoados os desafios e aqueles que não desistem de lutar…

ao longo da existência, fomos sendo erradamente informados, que a nossa transformação tinha sempre como sombra ( o pecado original), e os ( pecados que depois iam tendo origem em cada um de nós )…

não houve, por erro de educação, mas também por egoísmo dominador, a preocupação de educarem a humanidade, na base do amor, da paz, da integralidade absoluta, rumo ao bem…os que se iam esforçando nesse sentido, logo eram abafados, pelos dominadores mais atentos… a política e a religião, fez enquanto isso um casamento perfeito e um amparando o outro dominou o mundo desatento…

afastados que éramos então da competição com os santos e com os anjos, continuamos a ser apenas barro que quebrado dificilmente se emendaria, mas ainda que acontecesse ficaria sempre com as marcas dessa doloroso distracção… ou melhor dizendo as marcas do mal continuariam em nós…
hoje já não queremos as políticas ditatoriais e estamos exigindo das religiões maior abertura e completo restabelecimento da Fé e da Paz…
estamos a construir Esperança… o ser humano está tomar o rumo da sua existência…
está a perder o temor e está a construir através do amor, mas como tem pouca experiência está a demorar mais um pouco…

os seres de luz, neste século de esclarecimento urgente , e, encontrando espíritos sobre a Terra, menos egoístas e dispostos a esclarecer a humanidade, foram oferecendo parâmetros de educação espiritual, que motiva moralmente o esforço nessa escalada ascensional…

sabemos então que não ficaremos inertes, nem impunes, e muito menos vivendo como meros observadores dos planos celestiais…
sabemos que somos elementos activos nos planos universais e muito capazes de ascender a voos mais altos…
com esforço ?... que assim seja… 
o plano é nosso, o roteiro é particular, mas o movimento é colectivo, logo, eu mesmo percebo, que tenho responsabilidade no movimento dos outros…

por isso é necessário tomar consciência de que, para que os outros caminhem, eu tenho responsabilidades nesse impulso…
o que me resta portanto?...
confiar e caminhar… respirar fundo e perceber que isso de ser pigmeu, já era…
vamos crescer…
o Bem o Bom e o Belo esperam por nós…

o mal não está para ficar, faz parte do percurso… faz parte da construção universal…
 sejamos positivos…

lasalete 

neste momento eu estou ...: bem
publicado por lapieta@sapo.pt às 21:04

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 2 de Janeiro de 2014

2014... só de mãos dadas

 

2014.... SÓ DE MÃOS DADAS ...

PARECE QUE HOJE TUDO VAI RECOMEÇAR...
passados que foram os primeiros arroubos de planificação do ano que está aí, a vida vai ter mesmo que continuar...
senão nos lembrarmos DE NADA, olhando os números do calendário que não mentem, tudo continuará como dantes, se nós, mais atentos e decididos, não mudarmos efectivamente...

seria bom mesmo que mudássemos por dentro e não estivéssemos à espera que o calendário trabalhasse por nós...
é o nosso calendário interior, é a nossa alma que vai ter forçosamente que sofrer obras, e depois de uma decoração à maneira , lá teremos que apresentar aos amigos a nova pessoa que queremos exibir em 2014...

mas como seria a pessoal ideal para este ano?...
é tão simples... em três penadas podemos dar o toque, que é igual para toda a gente...
MENOS TEIMOSA
MAIS HUMILDE
MENOS EGOÍSTA
MAIS SOLIDÁRIA...
então o nosso problema está no mais e no menos?... exactamente... há que procurar o equilíbrio...

não gostou???????... então é sinal que precisa mesmos de obras por dentro...

e sabe porquê a pressa, porque estamos desejosos que apareça brilhando, com essa indumentária renovada...

há pessoas que nunca aparecem com traje de festa...
nem sabem como poderiam aparecer maravilhosas, se tirassem a máscara da resmunguice, da indiferença...
essa máscara que pensam elas, as ajuda a viver...

este ano é de renovação...
renove-se, porque a renovação vai ser de tal forma, que só quem partilhar o ar que respira e aquilo porque suspira é vai poder viver em paz...

então estamos a prever um ano onde a solidariedade em todos os sentidos vai ser o prato forte da existência na Terra...

não foi à toa que nos voltamos para eleger já no fim do ano 2013, as novas directrizes para a PIRÂMIDE SOLIDÁRIA, que vamos colocar em marcha...

e ao falarmos do programa MIGALHA, nós estamos a apoiar a vida, gota a gota , com o pouco que nos é possível...

o programa social que vamos colocar em marcha, faz parte já dessa renovação, que só entra na cabecinha de quem é jovem por dentro e que quer ajudar a eliminar a indiferença para em seu lugar semear a partilha...

se quiser viver este ano 2014 como deve ser, meu amigo, só de mãos dadas...

lasalete piedade

 

neste momento eu estou ...:
publicado por lapieta@sapo.pt às 09:13

link do post | comentar | favorito
Domingo, 3 de Novembro de 2013

O AMOR ESTÁ CHAMANDO A HUMANIDADE...

o amor sublime ainda não é deste mundo...

ainda falta à natureza humana, o desejo inconfundível de alcançar esse amor...

 

mas também não podemos estancar as forças eternamente, não podemos fazer de conta todos os dias, não vamos, por muito mais tempo dizer não ao amor, não será possível viver fazendo de conta que está tudo bem...

 

esse amor sublime existe e ele é que nos está atraindo para o seu núcleo...

verifique como a cada dia que passa a sua sensibilidade está a incomodar-se com o mal que vai acontecendo...

é o sinal de que está a ser atraído a esse amor sublime...

por isso pense em si com mais carinho, ame-se e deixe fluir essa força que ainda de forma embrionária o requisita amorosamente para o seu centro...

 

olhe para todos em redor e experimente ser dócil, gentil, enobrecendo os seus actos com compreensão...

vai verificar que de cada vez é mais fácil...

 

e os outros, também não têm que mudar?... porque não mudam?...

é verdade vão mudar, mas cada um de nós tem a sua hora e o mais importante é não perder essa hora...

 

APANHE O TRANSPORTE E FAÇA PARTE DESSE AMOR ...

 

 

lasaaletepiedade 

neste momento eu estou ...:
publicado por lapieta@sapo.pt às 14:02

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Outubro de 2013

ALIMENTAÇÃO...VERSUS...HUMANIZAÇÃO

 

 

hoje é o DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO...

no entanto mais do que lembrar a excelência da alimentação que todos nós deveríamos ter, continuamos a lembrar a necessidade do essencial, que neste sector continua a faltar em muitas mesas...

 

o panorama que conhecemos é português, muito embora saibamos que a nível mundial a escassez de alimentos é assustadora e que milhões de pessoas a cada dia que passa se somam mais seres humanos que nada têm para se alimentar...

 

em confronto com o armazenamento volumoso de bens e o desperdício de bens alimentares que a cada hora são colocados no lixo, a nossa alma dói porque não se consegue travar este flagelo de desperdício de recursos que deviam ser canalizados para a fatia de população mais frágil a nível económico...

 

ainda está tudo por fazer e consciencializar a população é a tarefa mais árdua de sempre...

 

o desperdício acontece a todos os níveis, nas  empresas produtoras, nas grandes e pequenas superfícies alimentares, nas cadeias de transformação, mas também em nossas casas...

 

aproveitar os recursos que temos, não só é importante para a economia do lar, como também para a economia do planeta, estendendo essa economia a quem nada possui…

 

os esforços realizados são mínimos e as necessidades cada vez são mais…

 

os diferentes dados fornecidos pela FAO e por outras organizações mundiais, permitem uma leitura deficiente, porque infelizmente a situação é muito pior…

 

em Portugal, mais de 1 milhão de crianças e jovens em idade escolar, apenas se alimenta uma vez por dia, e mais de 1/3 da nossa população passa pelo mesmo sistema…

cerca de dois milhões de portugueses neste momento não têm possibilidades de se alimentar uma única vez…

os dados estão aí e não são divulgados para não criar alarmismo nem mal estar na população que ainda conserva um meio de se alimentar…

 

a união europeia não está convicta da forma como os bens que reúne são distribuídos e vai apresentando hipóteses de travar a ajuda alimentar ao país…

 

os governos sucessivos, deixam o problema da fome na mão da população mais solidária  nomeadamente na mão das instituições de solidariedade, às quais presta apoio de forma muito escassa ou quase nula, como é o caso d’ O Coração da Cidade…

 

a austeridade não permite um maior acompanhamento dessas instituições e assim a degradação alimentar vai proliferando, sem programas adequados que lhe ponham termo…

 

não é com bancos alimentares, nem com promessas de salvação que a fome se extingue…

a fome se extingue com uma escolarização adequada, uma educação temperada de humanismo e uma formação contínua de todos os que estão implicados nos quadros governativos, para que não sobressaiam nos seus parcos raciocínios apenas números de rácio económico…

um ser humano não pode ser apenas um número nas estatísticas, um ser humano é uma pessoa que necessita de assistência a todos os níveis e a quem devemos oferecer o direito à sua dignidade como tal…

 

é impossível portanto falar do dia mundial da alimentação, sem falarmos de escassez, de fome, de indiferença de desumanização…

 

amanhã 17 de Outubro, se comemora o DIA MUNDIAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA…

 

como vemos não adianta escamotear o assunto disfarçando a nossa incompetência, estruturada numa inoperância que não se justifica, num século com tanta e tão sofisticada informação…

resta-nos a boa vontade e a ajuda de Deus…

 

lasalete piedade 


neste momento eu estou ...: MUITO OCUPADA
publicado por lapieta@sapo.pt às 07:08

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Outubro de 2013

Oração da Ternura

 

 

 


 

Senhor, louvado sejas  pela graça deste novo dia,

que o teu amor me convida a viver.

 

é mais uma jornada de vida a ser percorrida sob o teu olhar,

em companhia daqueles que me deste por amigos e irmãos.

 

não permitas Senhor,

que eu caminhe só.

que eu me feche num mundo limitado e egoísta.

que eu guarde ódio no coração.

 

quero libertar o meu irmão ao perdoar-lhe, e sentir a alegria de ser perdoado.

dá-me a graça de sustentar o desejo de paz, para que eu não alimente o desejo de vingança.

 

quero muito viver o amor que não se cansa de ser bom.

não permitas  ó meu Senhor, que eu me instale no meu comodismo.

 

ajuda-me a ser um cristão solidário e fraterno, um homem de fé;

não de uma fé morta em si mesma, mas de  uma fé viva, participativa,

que me impulsione no exercício das boas obras.

 

inunda-me  com a  Tua luz, para que, á transparência de um jeito bem fraterno de viver,

eu revele a todos a Tua presença amiga e a tua ternura paterna.

 

que assim seja

Autor desconhecido



AMA . Associação Migalha de Amor

Grupo Espírita de Fraternidade Cristã






neste momento eu estou ...: em paz
publicado por lapieta@sapo.pt às 18:48

link do post | comentar | favorito

os artistas de Deus...

 

 

não deixes que os rios levem a tua emoção,

nem deixes que a chuva chore as tuas lágrimas,

não deixes que o vento leve teu pensamento

nem deixes tão pouco, que o sol possa emitir o calor da tua alma,

não deixes que a lua faça os teus versos...

não deixes que alguém tente imitar teu coração...

 

segura nas tuas penas,

faz delas duas asas para voar...

 

se alguém tiver que imitar algo, que sejas tu...

imita tu o vento e espalha a tua esperança...

imita o calor do sol e aquece o coração daqueles que estão gelados de solidão...

imita a paz imersa na natureza,

imita a velocidade dos rios, levando com prontidão a tua ajuda, onde a tristeza parece fixar-se ...

imita acima de tudo a imensidão do mar e faz-te imensa...

 

sim... é para ti alma querida, que ainda não despertas-te, que eu estou a escrever...

é para ti,  que ainda não percebes o que estás a perder...

 

nem imaginas como é bom ser-se universo...

 

corre, corre veloz, pois que na Terra está tudo por fazer e o Deus do Universo, todos os dias envia artistas para retocar a sua obra...

 

um desses artistas és tu...

 

faz-te livre … quebra as algemas ..

 

VEM... VEM APENAS ...

 

lasaletepiedade

neste momento eu estou ...: em paz
publicado por lapieta@sapo.pt às 18:12

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 30 de Outubro de 2011

gestão emocional...

 

 

quase todos sem excepção, nascemos condicionados, às directrizes que trazemos dos anteriores convívios em vidas passadas...

apesar dos conhecimentos que vamos adquirindo e das manifestações de carinho que vamos somando, estampados no nosso comportamento, estão os desequilíbrios emocionais, que a nós mesmos impomos como meios de defesa, para supostamente nos defendermos do mundo que nos rodeia...

 

será que estamos neste momento perante o exacto parecer desse emocional descontrolado?... talvez... e como nos encontramos em crise, tendemos a guardar tudo o que vemos, ou de forma perfeitamente contrária a gastar tudo o que podemos...

como se quiséssemos dizer à nossa mente, ( ISTO É MEU)...

porque fomos espoliados, de qualquer tipo de aditivo emocional, que possa ter passado, pelos sentimentos ou pelas coisas mais vulgares da materialidade, ou porque nós próprios espoliamos outros e nos reservamos nesse sentimento de culpa...

 

o ego, determinante fonte do nosso comportamento, reservatório por excelência das leis que nos regem e definem, por opção própria, vem gesticulando ao longo da nossa vida, em gestos proclamadores de interferência irresponsável...

 

são por isso mesmo , grandes as dificuldades com que nos deparamos... e sem razoabilidade, vamos estar sujeitos muitas vezes a tipos de comportamento que não nos motivam a uma vida mais positiva e de forma mais capaz preenchida de atitudes saudáveis...

 

estamos a evoluir... um dia será irreversivelmente diferente...

 

a grande maioria dos seres humanos, está a conviver com os seus medos e a guardar-se para um momento de catarse, que no fundo desconhece quando vai chegar...

no entanto não adormece, não pode...

o seu pensamento aparentemente controlado, não o está...

catadupas de ideias , configuradas nos medos, chegam a provocar o pânico... esse companheiro oculto, que no fundo rege todos os órgãos do corpo, mas que se corporifica nos nossos   sentidos...

 

temos somente que educar a mente, ensiná-la a prescindir de coisas e a aperfeiçoar a capacidade de apanhar, como quem colhe flores, as novas oportunidades que a vida nos coloca pela frente...

 

porque não, apreciar os amigos que vêm até nós, porque não apreciar os sorrisos inesperados plantados diante do nosso olhar, caminhando sempre na nossa direcção, as palavras amigas, as conquistas do saber e o saborear tudo e todos, como prendas que a vida nos deixa no regaço emocional...

fazer do amor a catarse providencial, ao esgotar-mo-nos nos outros, como quem monta um arraial onde se diverte de forma simples e saudável...

 

os prazeres da vida vão necessariamente mudar de tom...

a forma como nos sistematizamos, vai mudar de esquema...

a materialidade vai desmoronar e o espírito vai encher-se... preencher-se... de novidades emocionais, e o homem sobre a Terra vai descobrir outros sentimentos, que não, e apenas, os que conhece na actualidade e reconhece em si próprio...

 

até à perfeição, muitos sentidos, outros sentimentos, vão eclodir dentro de cada um de nós...um dia experimentaremos o êxtase...

 

até lá estamos a ser convidados , não a sepultar, mas a exorcizar os medos e a crescer de forma mais saudável e um quanto acelerada...

 

PERDER PARA GANHAR...

 

este deve ser o nosso pensamento de reflexão...

nascemos indubitavelmente para sermos felizes...

por isso mesmo não aluguemos a mente e o coração ao desespero...

 

cultivemos a alegria, experimentemos coisas novas, mas que sejam menos dispendiosas para a nossa alma...

 

se pensamos que conhecemos o limite da dor...

aprendamos então a conhecer o limite do amor...

 

 

lasalete

neste momento eu estou ...: em paz
publicado por lapieta@sapo.pt às 14:25

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


gifs

ainda que eu fale a linguagem dos anjos e dos santos... se não tiver caridade nada sou...

posts recentes

À PROCURA DE UM CAMINHO.....

OS BONS TÊM QUE ACORDAR.....

2014... só de mãos dadas

O AMOR ESTÁ CHAMANDO A HU...

ALIMENTAÇÃO...VERSUS...HU...

Oração da Ternura

os artistas de Deus...

gestão emocional...

súplica...poema

vitrais do passado... vie...

permite... ( poema)

obras em casa...

pintura mediúnica...

mais comentados

arquivos

tags

portugal

vida

porto

portoblogs

eu

amor

parlamento

actualidade

pobreza

solidariedade

politica

país

política

eu pensamento poesia blogs

blogs

poesia

eu pensamento blogs vida solidão pobreza

pensamento

solidão

pensamentos

todas as tags