Domingo, 22 de Março de 2015

SER CIDADÃO É ESTAR ATENTO...

63690_327265170714255_579587310_n.jpg

 

EDUCAÇÃO CIVICA , não passa apenas
por não deitar-mos papeis ao chão...por sermos atentamente ecológicos...
há ainda um longo caminho a percorrer na direção de todos os outros..
a maioria dos cidadãos, pensa, erradamente, que a cidade está por conta do Presidente da Câmara, e de todo e elenco de executivos, que laboram no domínio autárquico...engano nosso...
todos somos responsáveis por todos......
devemos por isso estar com mais atenção, a tudo o que nos rodeia...
observa:
se não podes ajudar, vê quem pode...
informa-te, de quem na realidade ajuda...onde se ajuda e que tipo de ajuda prestam as instituições da cidade...
e quando passares na rua, informa aqueles que passam visivelmente mais desfavorecidos...e faz o teu encaminhamento...
anota os números de emergência social...
isso também vai obrigar, a que as instituições, comecem a cuidar das suas tarefas com mais e maior cuidado...
são os cidadãos que pela sua insistência, obrigam os organismos a organizarem-se melhor...
faz a tua parte... não deixes ninguém à deriva ...
os humanos menos favorecidos não são esculturas de pedra dispersas na paisagem... eles precisam da atenção de todos nós...

lasalete

publicado por lapieta@sapo.pt às 16:09

link do post | comentar | favorito
Domingo, 8 de Junho de 2014

O AMOR É A FORÇA DA BOA VONTADE ...

já é impossivel sair do Coração da Cidade, antes das 21 horas...

e já não é de admirar que depois dessa hora , os voluntários de piquete, sejam chamados para recolher alimentos, das inúmeras festas e eventos que acontecem pela cidade e arredores...

 

ontem , graças a Deus e há boa vontade de quem nos contactou, conseguimos distribuir centenas de refeições que embalamos com carinho e com crescente apresentação...

 

eram 8,30 horas e ainda distribuímos a alimentação que nos tinha sido oferecida...

 

sempre repito: - para além das portas da instituição niguém imagina a azafama que vai lá dentro...

 

neste momento estamos com um movimento enorme, com trabalho acrescentado, porque temos que cuidar de mais de 2 toneladas de alimentos...

estamos com grande capacidade de ajuda , muito semelhante a uma fase de há uns anos atrás quando tinhamos cerca de mil utentes por dia...

 

O Coração da Cidade continua a receber ajuda da sociedade civil e pede que não faltem...

 

nós somos a ponte entre as margens...

 

bem hajam os que se lembram de quem nada possui, para sobreviver com dignidade...

 

lasaletepiedade

neste momento eu estou ...:
publicado por lapieta@sapo.pt às 10:59

link do post | comentar | favorito
Sábado, 14 de Novembro de 2009

ainda pelos caminhos da Fé...

 

 

não há prova maior de Fé, do que confiar no ser humano...

 

eu passo a explicar onde me tem levado o raciocínio...

quando, pelos meandros da religião, seja ela qual for, das doutrinas  sejam elas o que forem, e, das filosofias  mais variadas, que quer queiramos quer não, são casulos onde estão todos os pensamentos humanos de forma mais ou menos exposta ou explicita, eu descubro fantásticas situações, exemplos de humanidade, que me deslumbram...

 

mas, com a objectividade que me é peculiar, diariamente interrogo a espiritualidade sobre tudo o que me rodeia... com a certeza de que, todos os dias, os mais variados paineis humanos de comportamento, se abrem diante de mim, para me oferecer lições de reflexão inadiáveis... e, umas das explicações de Fé raciocinada e reflexionada, há dias, levou-me a entender, que a maior prova de Fé que podemos oferecer ao nosso humilde discernimento, é exactamente o aceitarmos o ser humano tal qual é...e , humildemente confiarmos que ele vai mudar...

 

porquê?... porque sendo o ser humano criação de Deus Omipotenete e Ominisciente , Ele nosso criador, nunca criaria algo tão rude e tão perverso sem possibilidade de reabilitação,condenado á estagnação...

 

então, eu habituei-me a olhar o ser humano que parece nada fazer certo, como uma planta que ao contrário das outras que se apresentam mais belas e nutridas, demora mais tempo a germinar... mas um dia, se apresentará bela e nutrida e a todos deslumbrará...

 

o egoismo e a vaidade, é que nos fazem olhar os que erram como incapazes...

isto é um erro muito grande... porque um dia, não muito distante, nós também já fomos assim...já fomos capazes dos mesmos erros... e sentimos na alma as dificuldades de remissão...

 

como nos diz Paulo de Tarso... tende entranhas de misericórdia... sede misericordiosos para com os vossos irmãos...

 

façamos como disse Jesus... AMAI-VOS UNS AOS OUTROS COMO EU VOS AMEI...

 

esta máxima, só cabe na nossa distrorcida filosofia, nos momentos em que aparentemente até estamos inspirados... mas quando as acções menos boas , daqueles que nos rodeiam, colam na nossa vida ... aí... ai... que chatisse ... comigo não...e aí eu pergunto... dois pesos e duas medidas?

 

a Fé é um espaço de intervenção espiritual muito susteptivel de auto perturbação...

daí, observarmos muitos crentes, dentro deste padrão de comportamento, falando o mais alto esta barbaridade : com este comportamente a gente até perde a Fé...

isto não é Fé... a Fé é uma conquista e jamais se perde, porque, quando a conquistamos , plasmamos em nós  elos de ligação a outras virtudes, que nos envolvem em comportamentos mais francos e sadios...

quando encontramos a ... a Esperança vem logo de premeio, e de forma deslumbrante a Caridade... e, então como diz Paulo de Tarso em Coríntios 1-13... a mais bela de todas as virtudes é a Caridade...

 

belíssima lição de Fé nos endereçou Jesus ao amar-nos tal qual eramos, mesmo com todos os nossos defeitos...

uma pergunta eu deixo... ( se Deus confia em nós e nos permite reencarnar, oferecendo inúmeras possibilidades de remissão, para que nos completemos no todo e nos deslumbremos com as belezas eternas, a que nos catapulta a perfeição, quem somos nós, portanto, para julgarmos de forma guilhotinadora os que erram ?)... ninguém...

 

o amor de Deus é imenso... infinito... e em todos produzirá CAMPOS DE FLORESCÊNCIA ESPIRITUAL...

 

bravos... aqueles que errando, ainda assim, perante a incrudelidade humana, se permitem a emendar...

 

o "céu" ... não é o limite...

 

eu tenho na minha vida um limite... a integração plena  no movimento universal, onde apenas uma linguagem superintente a tudo o que se deseja ... o AMOR...

 

adoro viver ... e quando faço algo que magoa alguém, a minha dor é imensa...

sofro muito com isso ... e mesmo que peça desculpa e o outro até perdoe com sinceridade, a dor que eu senti já ninguém ma pode tirar... e, é então que na recordação dessa dor, eu desperto para não voltar a errar...

quanto mais aprendo, mais me doi a dor que eu possa causar nos outros...

 

vou partir sem concretizar um sonho... " juntar todos os que eu magoei e dizer-lhes com sinceridade ... EU NÃO SABIA... PERDOAI-ME"..

 

estou ávida de aprender, sempre mais, para sempre mais e melhor poder praticar o bem...

 

as raízes que encontrei no Kardecismo, são fortes braços que me ajudem a entender a liberdade de ser e estar...

não são tentaculares directrizes, mas abraços de liberdade e elevação...com acção renovadora e constante ...

 

pena é que nem todos possam ser tão livres como eu e como aqueles que de forma concreta, dentro da filosofia espírita, encontraram um prado verdejante de expressão espiritual...

mas atenção, também existem os que chegam ao Karcecismo, instalam-se , dizem que são espiritas , mas teimam em manter as normas espirituais  que lhes permitam seguir por caminhos velhos e tortuosos... querem meter dentro do Espiritismo a religião que lhes interessa ou aquela que estavam habituados... sempre acontece... mas, ajustando os pontos da Fé raciocinada... também estes estão a prender...a seu tempo mudarão... quando vêm que o espiritismo não se molda á vontade deles... fogem e então partem dizendo mal de tudo o que encontraram...

 

a vida se encarregará de ofececer, sabiamente, as lições mais adequadas ao seu adiantamento...

 

não importa o caminho que tomámos... todos os caminhos conduzem a Deus...

 

quando a Associação Migalha de Amor ( grupo Espirita de Faraternidade Cristã) foi criada, isto em 1995, logo a seguir, em 1996,  foi criado um braço de amor, a que os espíritos chamaram CORAÇÃO DA CIDADE ...

muitos espíritas ficaram zangados, porque este braço de fraternal aproximação, era criado pelos Espíritos Superiores, como um movimento ecuménico...

 

hoje, dentro do CORAÇÃO DA CIDADE, podemos conviver com voluntários de todas as filosofias e religiões possíveis.. mesmo com quem diz não ter religião nenhuma...agósticos e ateus, mas, que não se privam de assistir ás palestras que ao Sábado eu vou proferir na AMA...

ouvem, respeitam e debatem comigo promenores que não entendem... e, para eles, mesmo não tendo religião alguma, sentem que há qualquer coisa de concreto na explicação que lhes oferecemos...

 

ninguém tem o direito de magoar ninguém...nem de violentar a sua crença...todos cabemos na mão de Deus...

 

não importa em que é que acredita... o importante é a maneira como vive...

o exemplo vale mais que mil palavras...

 

o evangelho não é facil de entender... assim como as mazelas da alma, não são fáceis de curar...

 

como dizem os Espiritos Superiores... QUEM NÃO VAI PELO AMOR, VAI PELA DOR...

 

o mais importante é que nenhum dos filhos de Deus se perderá...

 

 

desejo a todos um óptimo fim de semana...

 

um abraço do tamanho do mundo...

 

fiquemos na mão de Deus...

 

lasalete

neste momento eu estou ...: na mão de Deus
publicado por lapieta@sapo.pt às 11:33

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 29 de Junho de 2009

abençoa Senhor Jesus...

 

Senhor Jesus... nem todos têm pão...

 

mais uma semana vai começar e, se o trabalho já falta para muitos, para muitos outros o medo de que ele falte é também uma realidade...

 

aprendi Senhor, que não são os que pedem os que mais precisam, mas são os que não têm coragem de pedir, que por ventura são os mais necessitados...

 

ampara Jesus, esses que escondidos, com vergonha ou por orgulho, vivem à mingua de pão e de carinho...

 

nós os que nos comprometemos a vigiar contigo, não Te podemos deixar só...

 

ficaremos atentos a todos os que caem desamparados e não acreditam que Tu os amparas...

 

ajuda-nos  Senhor, a encontrara a melhor forma de nos aproximarmos de quem precisa de aprender a der e a receber...

 

ensinar solidariedade  é difícil ...

 

abençoa todos os lares, para que não falte a Fé e a Esperança em dias melhores...

 

que jamais falte o pão , para que não falte o ãnimo...

 

nos abraça Senhor na tua misericórdia ... estende a tua bênção a quem está neste momento a ler esta mensagem...

 

obrigada Senhor Jesus...

 

lasalete

 

 

neste momento eu estou ...: desperta
publicado por lapieta@sapo.pt às 08:29

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Abril de 2009

ainda vamos a tempo de acordar...

 

cerradas que estão as pálpebras, o sono acontece e nada mais para além do véu que a noite permite...

 

isso pensa a maioria que de vez enquando, quando a vida permite, ainda vai tecendo algumas considerações sobre o plano onírico, para tentar por aí, desmistificar um pouco do futuro, que por vezes se apresente inconsistente de significado...

 

tenho medo dos meus sonhos e neles tenho encontrado, não só os avisos consoladores que me permitem uma vida mais estável e consciente, porque deles decifro as mensagens do plano superior e não só, mas sob o manto da premonição, tenho entendido por diversas vezes a verdade factual que passa do sonho â realidade...

 

não sei de dos anseios com que vivencio a vida dos mais carenciados, no sentido de lhes mitigar o sofrimento, se das notícias constantes de desestabilização , se da crise que efectivamente se instalou por aí... o certo é que ,a noite para mim se desdobra num grande écran onde as imagens ganham forma e movimento e os jogos de intenções e decisões mostram a realidade do momento, deixando em minha mente, depois de acordar, a certeza de que nada vai tão bem assim ...

 

o meu sonho aconteceu numa grande cidade, onde  filas de gente se estendiam, pedindo auxílio ...

nada do que se entregava servia para serenar os ânimos exaltados de muitos dos intervenientes que se percebia, serem pedintes de longa data...

 

a austeridade do cenário dava a entender que já se vivia a situação há demasiado tempo, mas ao longe, uma voz tentava serenar quem pedia e conforme essa voz se ouvia, o pão

ia-se multiplicando e todos os famintos se sentavam a mastigar, dando a entender que a fome se tinha instalado ...

 

as filas eram para todos os fins... perguntei quem governava e ninguém sabia dizer, mas ao mesmo tempo, se viam  tropas nas ruas a tentar por todos os meios estabelecer a ordem de quem tentava trapacear...

 

num écran gigante instalado na avenida, imagens de outras cidades iam passando, mostrando que o mesmo clima social era exactamente o mesmo...

 

pretendi sair do sonho mas não consegui...

os voluntários iam e vinham com enormes caçarolas de alimentos, distribuindo caldo quente e pão, que chegava em camiões para distribuição...

 

a mesma luz , a mesma voz e o carinho de muitos voluntários, que misturavam lágrimas e alimentos...

 

perguntei se era verdade o que eu estava a ver ...

 

e  a voz  não demorou  para me responder...

- esta é a pior das guerras, se o homem não se modificar e parar para pensar o quanto antes... a fome é a pior das guerras...

 

acordei atrapalhada e durante um tempo demorei a baixar à realidade...

 

trazia o cheiro e o som das cenas que enfrentara no mundo dos sonhos e as lágrimas correram nos meus  com as orações habituais...

 

sei que o clima ainda não é o do meu sonho, mas receio que a realidade se aproxime dos cenários que me foram mostrados...

 

resta-nos pedir a Deus força e coragem para nos distribuirmos pelos outros e força anímica para nos desdobrarmos em esforços continuados de ajuda ao próximo...

 

ainda não sei que medidas os governos vão tomar...

vejo que as preocupações prioritárias são com os bancos e os banqueiros... as grandes falências e os grandes magnates...

 

onde entra o auxílio ao trabalhador  modesto ou quadro médio da empresa que resolveu abrir falência e que simplesmente na hora que aprazou, disse... não... não há trabalho para mais ninguém...

 

onde ficam os milhões de trabalhadores que vão ficar sem emprego ?...

governo algum conseguirá sustentar o caudal humano de desempregados...

 

o repasto social passa pela urgente e sistematizada ajuda e não pelo autismo governamental ou voluntarismo das instituições de solidariedade...

 

grandes medidas de  combate à crise têm que ser tomadas ou nos veremos a braços com a maior guerra social de sempre...

 

não adiante distribuir alimentos, se não há electricidade, água e gaz para confecionar os alimentos...

 

é hora de despertar e de desenvolver os meios que obstem a que os mais fortes que despoletaram esta crise financeira parem...

porque todos sabem que ela foi calculada para que ao balancearem os mercados em cima da mesa ficassem apenas aqueles que habitualmente comem mais...

 

este descalabro económico é conhecido dos senhores que do FMI e do Banco Central Europeu ... eles sabem até onde pode ir o teatro das negociações quando devem efectivamente baixar o pano...

 

o povo já não se levanta para lutar e é nesse cenário de inércia emocional que quem governa descança...

 

a vontade para reivindicar esgotou-se...

a desconfiança generalizou-se...

a esperança deixou de fazer sentido ...

e tudo isto porquê ???????????????

 

porque alguém se esqueceu de ensinar, que a formação cívica é a educação principal para atingir a paz social...

 

ainda assim pergunto...

que futuro estamos a deixar aos nossos filhos? ...

com que direito hipotecamos a felicidade dum mundo que queríamos  melhor e mais próspero?...

 

acordar é o lema...

 

que os meus sonhos não se realizem... este pelo menos não ...

 

um abraço de paz --- lasalete

neste momento eu estou ...: alerta
publicado por lapieta@sapo.pt às 19:57

link do post | comentar | favorito
Domingo, 11 de Maio de 2008

Fome...Fado ... Futebol...

 

 

muita gente vai perguntar...

-mas afinal que tem o Coração da Cidade a ver com  o Pinto da Costa ?...

 

 é um amigo voluntário, incondicional, desta instituição ...

 

como dever moral, nós sabemos estar ao lado de um amigo,  nos momentos mais difíceis... e todos nós sabemos que este momento não é fácil para este homem...

 

 

a qualquer um de nós, é fácil julgar, a qualquer um de nós é fácil condenar, porque no final das contas, não é de nós que estão a falar... até nem somos assim tão conhecidos da opinião pública, para que venham bisbilhotar na nossa vida e condenar os nossos comportamentos...

 

mas quando assim acontece e nos tornamos numa figura mediática, estamos sujeitos a todo o tipo de ingerências, na nossa vida e no nosso trabalho ...e se falharmos, todos tomam conhecimento da nossa vida e dos nossos erros...

 

esta semana, não falhando nos meus números, atendi seis trabalhadores com contrato efectivo de trabalho, que despedidos sem justa causa, foram descobrir que afinal o patrão os despediu sem preocupação alguma, nunca fez os descontos devidos para a segurança social, rompeu com eles o contrato e, a três deles, nem sequer os patrões se prontificam a pagar os seus direitos como trabalhadores efectivos...

 

não será também isto um crime ?...

 

o futebol, não deveria ser de modo algum a matéria informativa que deveria prender a nossa atenção...

muito dinheiro circula no meio do futebol e todos sem excepção que ocupam qualquer cargo desportivo neste sector, vivem à custa dessa luxúria de que se reveste o mundo desportivo...

todos estão circulando nessa montanha russa, onde todos os perigos morais estão lactentes...

mesmo os que de peito aberto vêm à frente condenar uns e outros...

 

eu pergunto: - onde estão esses senhores quando é necessário defender uma causa justa?

  • onde estão os que condenam, no momento de dar algum conforto a quem sem trabalho, vive das migalhas que caem das nossas mesas?
  • onde se encontram esses senhores engravatados, muito faladores, quando é necessário defender as populações mais indefesas?
  • onde estão os senhores do desporto e da política, a quem os que foram condenados fizeram favores sem monta?
  • onde param as vozes condenatórias, que falam do alto da sua "cátedra" e que nunca falaram a favor das populações mais desfavorecidas?
  • onde estão os homens e as mulheres do Norte, a quem nada é pedido, que nada dão,  a não ser a sua louca e suposta sabedoria em matéria de condenação?

 

e se neste momento, a comunicação social começasse a bisbilhotar a vida privada dos senhores "juízes de bancada" ?... quantos escapariam das bancas dos jornais com actos imorais, colectivos e particulares, que de certeza derrogariam os mais impostores e disfarçados modus vivendi, que ocultos ninguém consegue perceber...

 

o homem, ou os homens que esta semana se julgaram e condenaram, conheço-os por serem no Norte, homens sem tempo, sem vida própria e com capacidades extraordinárias de ajuda ao próximo...

 

deles ouvi um conselho...

-D. Lasalete o mundo é muito feio, nem todos estão disponíveis para ajudar, do que lhe prometerem, conte apenas com uma parte, ninguém tem tempo para a pobreza...

 

mas ... neste momento recordo sem dificuldade, as vezes que Pinto da Costa, no meio das suas viagens, quer em Portugal quer no exterior, telefonava a perguntar se estava tudo bem e se faltava alguma coisa no Coração da Cidade, que estava longe, mas se ele pudesse ajudar em alguma coisa ?...

 

no momento em que pessoalmente todos os loucos me queriam condenar, porque eu insistia em dar protecção aos sem abrigo e por tal acto me queriam prender, ele Pinto da Costa estava lá ao meu lado...

hoje com os meus fracos recursos eu estou aqui ao seu lado...

 

nas suas viagens a Lisboa, a trabalho pelo clube que ele ama como ninguém e ao qual entregou a maior parte da sua vida, sempre dispunha de tempo para ir junto das autoridades falar dos mais desfavorecidos e por diversas vezes o vi defender o Norte como zona à parte, mas que não devia ser esquecida...

 

ele não distribui apenas o seu dinheiro por diversas causas, como muita gente pensa, mas sensibiliza amigos e conhecidos para esta causa...

 

por sua ordem, O Coração da Cidade tem a possibilidade de recolher, tudo o que sobra dos jantares que se realizam no final dos jogos... outros buffets, espalhados por aí já fazem o mesmo...

porque este homem sabe o quanto custa ter fome, porque não é difícil vê-lo nas ruas do Porto a ajudar mesmo de noite, os sem tecto... e aí , dando do seu bolso, para que possam ir comer ou dormir...

 

não é de estranhar portanto que nós aqui o defendamos, porque dele conhecemos o lado melhor de qualquer ser humano... e sempre que se aproxima, somos nós que chamamos a comunicação social, porque, quer queiramos ou não, a sua imagem atrai a comunicação e assim a causa da pobreza sai a ganhar...

 

aqui portanto eu apraz-me perguntar?

  • de que crime são acusados os que deixam à fome milhares de pessoas ?
  • de que crime são condenados os que mudaram as cotas alimentares só para terem mais lucro ?
  • de que crime são acusados os que estão onerando os medicamentos na mira de lucros obscenos ?
  • de que crime são condenados os políticos, que sabem que existe desemprego e nada fazem para colocar um travão em todo este escândalo?
  • quantos em abono da verdade, se deitam de consciência tranquila, dizendo... nada faço de errado para com a humanidade ?
  • e onde estão aqueles que já beneficiaram das situações menos correctas de políticos e ricaços influentes, com consciência de que estavam a defraudar a lei?
  • que crime cometem  os  políticos que sabem que estão a matar a consciência portuguesa, defraudando a nossa constituição?
  • como se sentem os que sabem que estão a governar contra os direitos humanos, reduzindo à escravatura a maior parte do país ?

e a estes ? ...quem os condena ?... a União Europeia ?... quem são ?... ainda é preciso dizer ?...

não ...porque  estes, têm vergada a sua cerviz...

os que governaram ontem e hoje o nosso país, sempre se colocam ao serviço dos que mais têm, se assim não fôra, a pobreza no nosso país não estaria a crescer a uma margem de 37% ao mês...

 

acordem e não condenem ninguém... o futebol não é de interesse público... sempre será do domínio privado... do interesse público é a matéria dos impostos, da fome, da precariedade laboral, da habitação... enfim ,da não menos polémica educação... da justiça social e da lamentável saúde...

 

tudo isto é que deve ser discutido... mas enquanto formos manipulados, por quem sabe fazê-lo, estaremos a descobrir nos écrans de televisão os sebastiões que só saíram do nevoeiro, porque se esqueceram que, homens como Pinto da Costa, emprestaram ao futebol português a chave para abrir fronteiras...

 

a este amigo, a este nortenho, a este voluntário, nós levamos o nosso abraço solidário e o fazemos na certeza de que saírá mais uma vez vencedor desta batalha, ou seja de cabeça erguida...

 

a força de um campeão, não se mede apenas pelas vitórias, mas principalmente pela forma com encara as derrotas...

 

se a união faz a força, a força de vencer vem daqueles que sempre estão a nosso lado...

 

força campeão... ainda é cedo para parar...

 

lasalete

neste momento eu estou ...: lutando
publicado por lapieta@sapo.pt às 09:49

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 5 de Maio de 2008

fome em português...

 

é esta a sensação que  fica dentro de nós , os que estamos a braços  com a fome em Portugal...
o mais confortável seria dizer que tudo está bem ...
o mais razoável seria pensar que podemos fazer muito mais...
mas o mais aterrador é perceber que não é permitido fazer mais e melhor..
mas, o impensável mas concreto, é verificar que a fome é fomentada, pela indiferença, pela ausência de políticas sociais de base e pela indisciplina parlamentar, que dia a dia agenda a discussão de situações que de todo em todo não são necessariamente as mais urgentes para o país...
 
fome em português, significa apenas ignorância...
também descentralizar é  urgente... criando amplitude social…
 
mas... FOME EM PORTUGUÊS ... é acima de qualquer ilação  o mais urgente  programada de educação ...
educar para que não exista fome…
 
ao contrário de classificar os professores, os médicos ou mesmo os funcionários públicos, porque não classificar os políticos , que estão permanentemente a planear mais tributação… políticos que  se passeiam indiferentes à fome ,que em Portugal  está a criar problemas terríveis ao nível da saúde ( física, mental e moral) ... os danos colaterais são mortíferos...
a fome em Portugal, está a espalhar o terrorismo e os comportamentos desviantes estão a proliferar…
no sentido de deitar mão seja ao que for, a população mais fragilizada, adere a todos os esquemas para fazer face ao dia a dia ...
 
a criminalidade aumenta pela ausência de planos sociais adequados, que verticalizem os anseios e que determinem caracteristicamente espaços fundamentais para o desenvolvimento humano ao nível dos afectos ...
 
estrangulados os ideais, as populações só encontram o facilitismo …e este quase sempre e exactamente dos núcleos expostos e ostensivos do meio delinquente , que se sabe que existe, mas que em verdade, ninguém com responsabilidade tenta combater... por medo ?...  por desleixo? ...
 
a fome em Portugal, é uma mancha negra no socialismo e na democracia em geral, porque , não há necessidade de existir fome no nosso país...
 
verifique, quem de direito, porque é pago para isso mesmo, como são distribuídos no nosso país, os subsídios alimentares e os alimentos...
 
que circuito fazem os bens institucionais e a quem servem concretamente...
 
dizem muitas vezes que não devo dizer isto, porque estou a falar demais...
 
façam uma excursão pelas instituições, para verificar onde são gastos os subsídios estatais... de que forma as populações usufruem dessas ajudas ?... que rentabilidade têm alguns núcleos de apoio social ?...
 
mas verifiquem também, o esforço quase desumano, que alguns seres humanos ao nível do apoio social, estão prestando à sociedade civil …
e verifiquem que muitos dos que na realidade servem a causa com sentimentos nobres, são afastados do circuito , porque não interessa sermos tão interessados pelas causas sociais ...
 
tenho vergonha de estar a viver este drama , porque tenho a certeza de que não há necessidade para tanto barulho por causa da fome...
 
O Coração da Cidade não recebe ajuda do Banco Alimentar Contra  Fome, sobrevive sozinho , sem ajudas de maior monta, trabalha sem marketing económico, não tem nenhuma máquina montada ao nível das comunicações, pedindo pelo telefone dinheiro algum ...
 
investimos sobretudo na dinamização e na sensibilização social para programas de inter ajuda, para que num futuro próximo, possamos ser mais felizes...
tentamos despertar os que estão mais próximos, para que se aproximem mais de nós e entrem vinculativamente na nossa cadeia solidária ... a cadeia do coração , onde circula o sangue dos pioneiros solidários...
 
sem trabalho... não chegaremos a lado nenhum...
Portugal ainda tem tudo por fazer , mas as verbas da União Europeia, não estão servindo os fins a que se destinam... estamos portanto perante uma burla sistemática ... porque Portugal não avançou, tanto quanto preconizavam os estudos realizados pelos ” nossos amigos europeus"...
 
para onde foram então as verbas que foram enviadas, para  emprestar  mais conforto a todos os níveis às populações mais carenciadas?...
 
tantos quadros comunitários... mas afinal o que é isso?... a quem servem esses estudos...
 
estas são perguntas pertinentes que eu gostava de ver esclarecidas na Assembleia da República ... entre Gregos e Troianos , não nos interessam as guerras...
 
nós queremos é saber porque se está a passar fome em Portugal ?...
quem tem interesse em manter este quadro social ?...
porque é que não se ajudam as instituições que têm trabalho feito no terreno?...
 
com que fim se conduzem as populações à miséria?...
 
hoje em dia já não se usa atacar o problema no fim ... hoje os programas sociais devem verticalizar os seus apoios no domínio da prevenção ...
 
O Coração da Cidade desenvolveu programas preventivos... mas...
 
vamos nós lá saber porque somos ignorados?...
 
talvez a fome no nosso país, seja mais de mentes qualificadas, que de comida propriamente ...
 
lasalete
neste momento eu estou ...: trabalhando
publicado por lapieta@sapo.pt às 11:51

link do post | comentar | favorito
Sábado, 17 de Março de 2007

Pinto da Costa um amigo com coração...

Tem sido comentado em toda a comunicação social -

- O que faz Pinto da Costa junto aos mais carenciados?

- muito... e esse muito, vai para além do dinheiro, que supostamente, ele, Presidente do Futebol Clube do Porto coloca nesta instituição.

Ele coloca muito mais... mas, a um preço, que muitos que se dizem imaculados, são incapazes de cumprir.

Ele, entrega a sua amizade a uma causa ... e não é de certeza com o dinheiro do Sr. Pinto da Costa que esta casa de fraternidade sobrevive... muito em bora quando pode ajuda para que juntamente com a sociedade civil que nos apoia, a nossa tarefa seja mais facilitada.

Os que se querem intocáveis e que se degladiam por estar sempre na ribalta das altas relações sociais, não têm a capacidade de se colocarem ao lado duma causa, onde e sempre que possível, a sua influência acontece, canalizando para os mais pobres, alimentos e outras ajudas que são indispensáveis para quem nada tem.

Os filhos da outra margem, podem dizer, com certeza, que a figura deste enigmático portuense, que uns tanto amam e que outros tanto se afadigam para condenar, deu rosto a uma causa, a que muitos não se juntam, ou por medo de contágio, ou porque têm vergonha de aparecer ao seu lado...

Podem aparecer ,porque nesta causa nada contagia ,a não ser o amor...

A este cidadão, não é possível condenar por ser indiferente às causas relacionadas com a pobreza, porque ele ,onde é possível chegar já lá está ...

Telefona a perguntar se está tudo bem... e quando lhe delegamos uma responsabilidade ele a cumpre sem enfado...

Neste campo, o árbitro é a consciência ... e essa não engana ninguém...

Dizem que a vida é um jogo, nesta vida ele tem um mérito... é amigo de quem nada possuiu e não estabelece diferença entre ricos e pobres... e se pudesse, como já confidenciou muitas vezes, aproximaria as margens, porque lhe faz confusão o fosso imenso entre ricos e pobres.

Gratos estamos a este homem,presidente de um clube desportivo, pela ajuda e pelo apoio que também vai pedindo aos amigos que o escutam e que se têm unido a ele para ajudar os mais pobres do Porto.

Ser de um clube ou de outro não nos priva de sermos solidários e entre os voluntários existem adeptos de todos os clubes e que demonstram para com este amigo carinho e apreço pela ajuda que vai prestando.

lasalete

neste momento eu estou ...: grata e feliz
publicado por lapieta@sapo.pt às 10:58

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

CORAÇÃO DA CIDADE ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ MOVIMENTO ECUMÉNICO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ VOLUNTARIADO EM ACÇÃO ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥


a nossa sede na Rua Antero de Quental, nº 806- Porto

desde a inauguração desta casa que os voluntários têm sido um marco de coragem e abnegação




saiba porquê.....


O Coração da Cidade é:

é um espaço de solidariedade universal

com preocupações constantes de actualização

ao serviço permanente da comunidade onde está inserido

de conforto e amparo, servido apenas por voluntariado

onde todos os serviços prestados são e serão sempre gratuitos

promotor do voluntariado e intercâmbio associativo

O Coração da Cidade,

já estendeu a sua acção

a outros espaços do distrito do Porto

criando para o efeito

uma cadeia de Lojas Sociais ,

que lhe permitam

uma maior sensibilização

para o vuntariado

e ao mesmo tempo

detectar

novos focos de pobreza

venha até ao Coração da Cidade

faça-se voluntário

e ajude a servir,

os que mais necessitam de auxílio



CADEIA SOLIDÁRIA um euro uma razão para ajudar o Coração


é o que estamos necessitando neste momento ...

O Coração da Cidade inicou um pedido de ajuda para que seja posivel ultrapassar as suas dificuldades

associe a sua vontade de ajudar á nossa causa e contribua comnosco...

seja um amigo d'O Coração da Cidade

esperamos o seu

ajude-nos a ajudar ...

apenas um euro

Millenium BCP

0033 000000 239551298 05


gifs

ainda que eu fale a linguagem dos anjos e dos santos... se não tiver caridade nada sou...

posts recentes

SER CIDADÃO É ESTAR ATENT...

O AMOR É A FORÇA DA BOA V...

ainda pelos caminhos da F...

abençoa Senhor Jesus...

ainda vamos a tempo de ac...

Fome...Fado ... Futebol.....

fome em português...

Pinto da Costa um amigo c...

amor sem fronteiras

mais comentados

arquivos

tags

portugal

vida

porto

portoblogs

eu

amor

parlamento

actualidade

pobreza

solidariedade

politica

país

política

eu pensamento poesia blogs

blogs

poesia

eu pensamento blogs vida solidão pobreza

pensamento

solidão

pensamentos

todas as tags